Cultura

Filmes lusos integram Festival de Buenos Aires

Doze produções de cinema nacionais fazem parte da programação do Festival Internacional de Cinema Independente de Buenos Aires (BAFICI), entre elas a longa metragem "A Espada e a Rosa", de João Nicolau. O evento decorre em abril, na Argentina.
Versão para impressão
[Fotografia: Imagem promocional do filme “A Espada e a Rosa”, de João Nicolau]

Doze produções de cinema nacionais fazem parte da programação do Festival Internacional de Cinema Independente de Buenos Aires (BAFICI), entre elas a longa-metragem “A Espada e a Rosa”, de João Nicolau. O evento decorre em abril, na Argentina.

A primeira longa-metragem de João Nicolau, produzida por O Som e a Fúria, foi selecionada para a competição internacional do festival. A sua estreia comercial em Portugal também acontece em abril.

Em Buenos Aires será também exibido “Mistérios de Lisboa”, do chileno Raúl Ruiz, rodado em Portugal, com produção de Paulo Branco e adaptado do romance homónimo de Camilo Castelo Branco.

“Guerra Civil”, de Pedro Caldas, premiado em 2010 no IndieLisboa, e o documentário “Parto”, de António Borges Correia, também integram o festival, assim como “Fantasia Lusitana”, retrato documental de João Canijo sobre o Portugal de Oliveira Salazar, e “Swans”, de Hugo Vieira da Silva, que se estreou em Berlim no passado mês de fevereiro.

O festival BAFICI, cuja primeira edição arrancou em 1999, decorrerá entre os dias 6 e 17 de abril em Buenos Aires. No ano passado, o evento somou cerca de 245 mil espectadores.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub