Cultura

Festival de animação MONSTRA à solta em Lisboa

Arranca, esta terça-feira, a 13ª edição do festival MONSTRA. Este ano em homenagem ao cinema húngaro, o evento vai contar ainda com a antestreia de 'Asas do Vento', o último filme de Hayao Miyazak, e exibir 'Mr. Hublot', vencedora do Óscar para Melho
Versão para impressão
Arranca, esta terça-feira, a 13ª edição do festival MONSTRA. Este ano em homenagem ao cinema húngaro, o evento vai contar ainda com a antestreia de 'Asas do Vento', o último filme de Hayao Miyazak, e exibir 'Mr. Hublot', vencedora do Óscar para Melhor Curta-Metragem em 2014.
 
Com foco no centenário de 'Zsirb Odon', o primeiro filme de animação húngaro, realizado em 1914 por István Kató, o MONSTRA vai exibir uma retrospectiva dos últimos 50 anos, convidando alguns realizadores e artistas, como Ferenc Cakó, considerado um dos mestres do cinema de animação com areia.
 
Destaque ainda para os 30 anos da primeira longa metragem em pintura animada realizada em 1984 na Hungria por József Gemes, 'Tempos Heróicos'. 
 
Considerada como uma das cinematografias de animação mais inspiradoras e menos alinhadas com ambos os blocos mundiais, tanto temática como esteticamente, a Hungria mantém desde há muitos anos uma produção nacional e especialmente co-produções que elevaram a sua animação a níveis internacionais grandiosos.
 
Além disso, a programação do MONSTRA deste ano guarda espaço para assinalar os 50 anos de Pantera Cor-de-Rosa e exibir as produções dos estúdios Aardman. Na secção 'Monstrinha', dedicada ao público mais novo, o festival conta com as honras da antestreia de 'Asas do Vento', o filme com que o japonês Hayo Miyazaki se despediu do cinema de animação. 
 
Nas curtas internacionais, destaque para 'Mr. Hublot', de Laurent Witz, distinguida com o Óscar de Melhor Curta-Metragem Animada, este ano, pela Academia, e ainda para 'Feral', nomeada para a mesma categoria e da autoria do português Daniel Sousa. 
 
2014 é também o ano em que o evento conta, pela primeira vez, com competição de longas e curtas-metragens de animação. Entre as sete longas-metragens em competição estão 'Pinocchio', de Enzo Dalò, a produção brasileira 'O menino e o mundo', de Alê Abreu, e 'Tia Hilda', de Jacques Rémy Girerd e Benôit Chieux.
 
Nas curtas-metragens nacionais, foram apenas selecionados dois filmes: 'Ana – um palindromo', de Joana Toste, e 'Carrotrope', de Paulo D'Alva.
A extensa programação de cinema assinala ainda os 70 anos de “Animal Farm”, de John Hallas, a partir de uma obra de George Orwell, e contará com a presença de Merlin Crossingham, o director de criação dos estúdios Aardman, do Reino Unido, onde nasceram as personagens Wallace & Gromit e a Ovelha Choné.
 
O MONSTRA arranca esta terça-fera e vai decorrer até ao próximo dia 23 de Março em várias salas da capital. Saiba tudo AQUI.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub