Sociedade

EUA: Sem-abrigo devolve mala com milhares de dólares

Em Boston, nos EUA, a boa ação de um sem-abrigo está a mudar por completo a sua vida. Depois de ter encontrado uma mochila com 42.000 dólares no interior, Glen James entregou-a às autoridades e pode vir a receber mais do dobro como forma de agradecim
Versão para impressão
Em Boston, nos EUA, a boa ação de um sem-abrigo está a mudar por completo a sua vida. Depois de ter encontrado uma mochila com 42.000 dólares no interior, Glen James entregou-a às autoridades e pode vir a receber mais do dobro como forma de agradecimento. 
 
Este é mais um exemplo de honestidade entre os mais pobres, depois de, em Abril, ter vindo a público a história que um sem-abrigo russo que fez tudo para encontrar a proprietária de uma carteira perdida, tal como noticiou o Boas Notícias na altura. 

Este novo episódio aconteceu no passado sábado, quando o ex-funcionário do tribunal daquela localidade norte-americana, a viver nas ruas desde 2005, encontrou a mochila com 2.400 dólares em dinheiro e outros 39.500 em cheques-viagem, no centro comercial de South Bay, em Dorchester. 


Fiel à sua honestidade, dirigiu-se à esquadra mais próxima e entregou a mochila às autoridades, afirmando que não teria ficado com um único centavo, mesmo em caso de desespero. Sem querer a sua identidade revelada, do proprietário apenas se sabe que era um estudante chinês que se encontrava na zona em visita a um colega. 

Dois dias depois, o sem-abrigo estava a ter a sua boa ação reconhecida numa cerimónia promovida pela polícia de Boston, que fez questão de enaltecer o gesto de Glen. Ao mesmo tempo, Ehtan Whittington, um jovem gestor de contas, lançava uma campanha de angariação de fundos para ajudar o 'bom-samaritano'. 

Comunidade já doou mais de 93 mil euros

Hoje, são já mais de 5.000 as pessoas que contribuíram para a causa e que elevaram o valor das recolhas a mais do dobro daquilo que o sem-abrigo tinha encontrado na mochila, ultrapassando já os 127.000 dólares (cerca de 93.000 euros).


Estarrecido com a adesão das pessoas, Wittington lançou uma meta inicial de 50.000 dólares que foi amplamente superada em apenas um dia. O objetivo é, agora, de 250.000 dólares, por forma a arranjar uma casa e suportar as despesas de saúde necessárias para que Glen possa voltar a trabalhar. 

Depois da boa ação e só durante esta semana, Glen diz ter recebido nas ruas, pela primeira vez, dinheiro suficiente para abrir uma conta no banco. Já na petição online, no site GoFundMe, Whittington diz que as contribuições continuam a um ritmo imparável, havendo mesmo quem queira oferecer computadores, roupas e comida.

Citado pelo Daily Mail, o sem-abrigo diz-se comovido pela generosidade de todos os estranhados que estão a dar o seu contributo e disponível para conselhos sobre a melhor estratégia a aplicar na gestão do dinheiro.

Notícia sugerida por Elsa Martins e Raquel Baêta

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub