Mundo

EUA: Jovem de 11 anos cria horta comunitária

Katie Stagliano é a grande responsável por uma verdadeira horta comunitária na localidade onde vive, em Summerville, EUA. Aos 9 anos Katie plantou uma couve no jardim de casa para um projeto da escola. A couve atingiu os 18 quilos quando a decidiu do
Versão para impressão
Katie Stagliano é a grande responsável por uma verdadeira horta comunitária na localidade onde vive, em Summerville, EUA. Aos 9 anos Katie plantou uma couve no jardim de casa para um projeto da escola. A couve atingiu os 18 quilos quando a decidiu doar a um centro de acolhimento que fez uma sopa (fortalecida com carne e arroz) que serviu a 275 sem abrigos da região.

“Pensei: Uau, com uma couve consegui alimentar tanta gente? Posso fazer muito mais que isso”, diz Katie agora com 11 anos e responsável pela criação de seis hortas comunitárias, incluindo uma do tamanho de um campo de futebol na escola onde estuda.

Membros da comunidade local ajudam Katie nesta tarefa da qual é mentora e que entretanto já proporcionou mais de 2 toneladas de alface, tomates e outros vegetais para os centros de acolhimento da região.

As sementes são doadas por uma empresa local e quase todos os dias colhem-se vegetais e legumes das hortas para dar aos mais carenciados.

“Ela entrou aqui como uma menina cheia de orgulho no tesouro que trazia”, recorda Sue Harshaw, responsável pelo centro de acolhimento de Charleston, onde Katie entregou a couve de 18 quilos. “Adoro a maneira como ela se preocupa com os outros e como mostra esse sentimento. Teve um grande impacto na vida de muitas pessoas”, afirma a mesma responsável citada por um jornal local.

“Ela está a provar que podemos ajudar outras pessoas independentemente da idade. Adoro os vegetais que ela traz”, confessa Elois Mackey, ex-sem abrigo que conta com a ajuda semanal da associação sem fins lucrativos Katie´s Krops.

Inspirada pela couve que a fez tomar contato com a realidade dos mais desfavorecidos, Katie escreveu ainda um livro para crianças na tentativa de incentivar mais jovens através da sua história a cultivarem legumes e vegetais.

“Quero alimentar o maior número de pessoas possível”, diz Katie que conta com o apoio de doações feitas à sua organização.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório