Cultura

“Concertos para Bebés” lusos ganham prémio europeu

O projeto "Concertos para Bebés" da companhia "Musicalmente", oriunda de Leiria, idealizado pelo português Paulo Lameiro, conquistou, este sábado, o primeiro prémio da categoria inovação no festival europeu "YEAH! Young EARopean Award".
Versão para impressão
O projeto “Concertos para Bebés” da companhia “Musicalmente”, oriunda de Leiria, idealizado pelo português Paulo Lameiro, conquistou, este sábado, o primeiro prémio da categoria inovação no festival europeu “YEAH! Young EARopean Award”, deixando pelo caminho um total de 140 candidatos e 15 finalistas.
 
A notícia foi avançada à Lusa pelo próprio mentor do projeto, diretor artístico da “Musicalmente”. “O mais importante para nós é o reconhecimento internacional do nosso projeto, colocando-o num primeiro plano da música clássica na Europa, para além de nos abrir a porta para uma série de oportunidades futuras”, disse Paulo Lameiro. 
 
Segundo o responsável, este “é um prémio importantíssimo, até porque existem milhares de projetos que exploram este mercado de música para crianças e que não são reconhecidos pela sua qualidade especializada”. 
 
Este é um prémio que se dirige a orquestras, compositores, pedagogos, músicos, conservatórios e coros de toda a Europa e que procura distinguir programas inovadores que sejam capazes de atrair crianças e jovens para a música de uma forma criativa. 


O projeto idealizado por Paulo Lameiro foi um dos vencedores do “YEAH!”
 

De acordo com a página oficial do projeto, os Concertos para Bebés “são, antes de mais, concertos” que “têm como matriz a chamada música clássica”, mas que se desenvolvem “num alinhamento recheado de temas tradicionais, do pop-rock e de improvisações vocais-instrumentais”.
 
No âmbito de cada um destes espetáculos, “os bebés são convidados a ouvir” e todo o público é convidado a participar numa “experiência de cumplicidades” entre intérpretes, bebés, pais e irmãos, avós e amigos baseada em sons que vão “de Monteverdi a Mozart, do cavaquinho aos didgeridoos”. 
 
Entre 1998 e 2009 foram realizados mais de 450 “Concertos para Bebés”, nos quais participaram 80 intérpretes, entre os quais “alguns dos melhores instrumentistas portugueses”, afirmam os mentores.
 
Embora a principal atividade do projeto se tenha centrado em Leiria, estes concertos percorreram as principais cidades portuguesas e realizaram também digressões internacionais à Suécia, Inglaterra, Espanha, Bélgica, Irlanda e França. 
 
Atualmente, apresentam-se regularmente no Teatro Miguel Franco, em Leiria, no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra, e na Casa da Música, no Porto. A presente equipa é composta por um quarteto de instrumentistas residentes, três cantoras e uma bailarina que contam com o apoio constante de solistas convidados. 

Clique AQUI para saber mais sobre os “Concertos para Bebés”.

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub