Ambiente

Automóveis: Portugal reduz as emissões de CO2

NULL
Versão para impressão
Os carros em Portugal já estão a cumprir as metas de redução de emissões de CO2 que a União Europeia estabeleceu para a indústria automóvel até 2015. Os dados são da Federação Europeia dos Transportes e Ambiente (T&E), uma organização não-governamental com sede em Bruxelas.

Segundo este relatório, os portugueses estão a comprar carros cujos escapes lançam 127 gramas de CO2 por cada quilómetro rodado (g/km), abaixo do limite mínimo de 130 g/km imposto pela legislação europeia em 2009 – nesse ano, a média nacional era de 134 g/km, tendo havido uma melhoria de 5% em 2010.

Portugal permanece assim na segunda melhor posição do ranking europeu, a pouca distância da líder Dinamarca. Ambos os países penalizam, através das leis em vigor, os automóveis com maiores emissões de CO2.

Um carro com 1250 cilindradas e 115 g/km de emissões de CO2 tem, em Portugal, um Imposto Sobre Veículos (ISV) com 15 por cento de componente ambiental (79 euros). Com as mesmas cilindradas, mas 140 g/km de CO2, a componente ambiental do ISV sobe para 66 por cento, ficando 12 vezes mais cara (927 euros).

Também o reduzido poder de compra dos portugueses pode influenciar a decisão por um veículo mais barato e, consequentemente, com menores emissões de CO2.

Em toda a Europa, as emissões dos automóveis têm vindo a reduzir. Em 2009, por exemplo, baixaram 5% em relação a 2007.

Clique AQUI para aceder ao estudo da T&E.

[Notícia sugerida por Mafalda Almeida]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório