Inovação e Tecnologia

Alunos dos Açores vão construir mini satélite

NULL
Versão para impressão
Uma equipa de estudantes portugueses dos Açores foi escolhida para representar Portugal numa competição internacional promovida pela Agência Espacial Europeia (ESA). O objetivo das 14 equipas europeias selecionadas é construir um mini-satélite que será lançado de uma altitude de 1000 metros com uma missão específica.

A escolha das equipas foi anunciada no passado dia 27 de Outubro pelo portal da “Cansats in Europe”. A competição promovida pela ESA com o apoio da Norwegian Centre for Space-related Education (NAROM) tem por objetivo “oferecer uma oportunidade única a estudantes para experimentarem um projeto espacial verdadeiro”.

“Eles são responsáveis por todos os aspetos: projetarem o CanSat (satélite miniaturizado); selecionarem a missão; integrar os componentes; fazer os testes; prepararem o lançamento e analisarem os resultados”, lê-se no site da organização.

Esta é a segunda edição da competição europeia destinada a alunos do secundário. Os míni satélites vão ser lançados em Abril de 2012, entre dia 22 e 26. Até lá a missão de cada equipa é construir o objeto que irá a bordo de um foguete e será lançado de uma altitude de mil metros. Aí começa a segunda fase, ou seja, levar a cabo uma experiência científica e garantir uma aterragem segura.

Entre as várias propostas que a competição recebeu, Portugal conseguiu um lugar entre os finalistas. Os eleitos foram uma equipa de alunos da EBS Santa Maria, em Vila do Porto, nos Açores, com o projeto “Azorean Shearwater”. Os portugueses vão competir ao lado de equipas da Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, Holanda, Suécia, França, Grécia, Roménia, Espanha, Itália e Reino Unido.

Nos próximos dias 2 e 3 de Dezembro os selecionados vão poder participar num workshop na ESA/ESTEC, onde os professores, lideres das equipas, vão receber conhecimentos sobre como construir um CanSat e analisar posteriores dados. O ponto alto da competição vai ocorrer aquando do lançamento dos objetos no Andøya Rocket Range, na Noruega.

Para aceder ao site da competição, clique aqui.

[Notícia sugerida por Marta Correia e Maria Manuela Mendes] 

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório