Sociedade

Voltar as costas à rua e abraçar uma profissão

O projeto "Dar Sentido à Vida" já recuperou mais de 120 pessoas excluídas, oferecendo-lhes formação na área da restauração e uma oportunidade de entrar no mercado de trabalho.
Versão para impressão
Recuperar pessoas sem-abrigo ou que vivem em situação de forte exclusão social, oferecendo-lhes formação na área da restauração e uma oportunidade de integrar o mercado de trabalho. É este o objetivo do projeto “Dar Sentido à Vida” que, na área do Porto, já deu formação a mais de 120 pessoas. 

por Patrícia Maia
 
O projeto tem crescido em tamanho e em sucesso de tal forma que até já inclui serviço de catering para eventos como casamentos, aniversários, inaugurações ou conferências. Aliás, o próximo TEDxO'Porto, que decorre em Abril, na Invicta, com cerca de 1.000 convidados, vai contar com os serviços do projeto “Dar Sentido à vida”. 
 
Foi em 2006 que arrancaram os primeiros cursos da instituição Serviços de Assistência Organizações de Maria (SAOM) com o objetivo de reinserir pessoas em grave exclusão social através da aquisição de competências académicas e profissionais na área da hotelaria e da restauração. O leque da oferta formativa inclui cursos com equivalência escolar e cursos de técnicas profissionais, que também dão certificado mas não conferem equivalência académica.
 
Image and video hosting by TinyPic
[Formandos no TEDxO'Porto 2012]

Ao longo destes sete anos, já passaram pela formação que dá equivalência ao 9º ano mais de 50 formandos. Nos outros cursos de duração mais curta que conferem competências na área da pastelaria ou formação extra em restauração, já foram atribuídos cerca de 75 diplomas. Em termos de empregabilidade – em hotéis, restaurantes, pastelarias e outras empresas – a taxa de sucesso ronda os 50 por cento. 


Um rigoroso processo de seleção 
 
Luísa Neves, coordenadora de formação e catering da SAOM, contou ao Boas Notícias que os participantes são encaminhados para o programa através das equipas de rua da SAOM ou de outros parceiros como a Segurança Social, a AMI ou a Cais.

A inscrição no curso deve ser feita pelo próprio formando mas o momento chave do programa é o processo de seleção, que é longo e exigente, envolvendo várias etapas desde entrevistas com técnicos e psicólogos, vários testes e outros critérios.

“É uma seleção apertada porque, como nós costumamos dizer, o que queremos são maratonistas e não corredores de 100 metros. Há pessoas que dizem que querem muito fazer os cursos mas depois desistem”, explica a responsável. 

Image and video hosting by TinyPic

O sucesso do projeto “Dar Sentido à Vida” ditou o seu crescimento mas também o aumento de despesas do projeto. “Embora sejamos financiados para equipamentos, fardas e outros itens, há despesas que não são contempladas, como é o caso da saúde oral dos alunos que, nesta área da restauração, é muito importante para aceder ao mercado de trabalho”, explica a coordenadora. 
 
Assim, os voluntários dos cursos da SAOM arranjaram uma forma de financiar as despesas extra do projeto, utilizando os recursos internos para oferecer serviços de catering cujas receitas são devolvidas ao “Dar Sentido à Vida” em forma de donativo. “Posso dizer que mais de 90 por cento desses donativos gerados por nós acabam nos dentistas”, refere Luísa Neves (na foto abaixo, primeira a contar da esquerda).
 
Fundação EDP e TEDxO'Porto entre os clientes do projeto

Image and video hosting by TinyPic
O primeiro serviço de catering aconteceu em 2010 e, desde aí, os pedidos e os clientes, entre os quais se encontram entidades como a Fundação EDP, têm vindo a aumentar. Em 2012, a equipa da “Dar sentido à Vida” enfrentou o seu maior desafio: fornecer os serviços de catering para 650 participantes da TEDxO'Porto 2012. 
 
“Foi uma loucura mas as coisas correram muito bem. Este ano vamos fazer novamente o TEDxO'Porto mas o desafio será ainda maior porque estão previstas cerca de 1000 pessoas”, revela, entusiasmada, Luísa Neves. Neste evento, que decorre a 13 de Abril, a equipa da SAOM vai contar com os atuais formandos, alguns formandos das turmas anteriores e membros da equipa de voluntários, num total de 55 pessoas. 
 
A coordenadora de formação salienta que a equipa se rege por um “padrão de quatro e cinco estrelas, oferecendo uma restauração muito sofisticada” e um serviço chave na mão já que inclui a confeção dos pratos, o transporte (caso seja necessário) e serviço de mesa e bar.
 
Image and video hosting by TinyPic
[Terraço do futuro restaurante Torreão que inaugura em Maio]

Restaurante em Maio

Aliás, o sucesso dos eventos “Dar Sentido à Vida” já está a caminhar para um novo projeto. Em Maio, a SAOM vai abrir um restaurante, o Torreão, na sede da instituição que fica localizada num palacete do século XVIII, na Rua das Virtudes, uma zona privilegiada da baixa do Porto. 

 
O “Dar Sentido à Vida” é apenas um dos muitos projetos da SAOM, Instituição Particular de Solidariedade Social fundada em 1976 pelo atual presidente honorário, João Rebelo de Carvalho, que também aposta no trabalho de rua e no apoio a idosos, oferecendo ainda serviços de saúde, de lavandaria e de cabeleireiro a preços sociais.
 
A formação e inserção na área da hotelaria e restauração é um dos projetos mais recentes da SAOM mas o seu sucesso tem sido exponencial talvez porque ajuda, da melhor forma, aqueles que se encontram em situação exclusão fornecendo-lhes ferramentas para que se tornem independentes.

Luísa Neves conclui salientando que além da garantia de “elevada qualidade”, quem “requisitar estes serviços sabe que ajuda a recuperar e a reinserir no mercado pessoas que estão muito fragilizadas mas que têm uma grande capacidade de trabalho”. 

Clique AQUI para aceder ao Facebook da SAOM e AQUI para visitar o site,

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close