Saúde

Vitamina D evita doenças cardiovasculares e diabetes

Um artigo norte-americano publicado no The American Journal of Cardiology comprova que a manutenção de vitamina D no organismo pode evitar vários problemas de saúde, entre os quais a hipertensão, problemas vasculares, diabetes, disfunções metabólicas
Versão para impressão
Um artigo norte-americano publicado no The American Journal of Cardiology comprova que a manutenção de vitamina D no organismo pode evitar vários problemas de saúde, entre os quais a hipertensão, problemas vasculares, diabetes, disfunções metabólicas, doenças nas artérias coronárias e insuficiências cardíacas.
 
O estudo, que tem como principal autor James Vacek, da Universidade do Centro Médico e Hospitalar do Kansas, EUA, examinou a ligação entre a deficiência de vitamina D e a ingestão de suplementos desta vitamina e os estado de saúde dos pacientes analisados.
 
Para isso, foram reunidas as medidas de soro vitamínico correspondentes a cinco anos e oito meses, que depois foram relacionadas com dados demográficos, fisiológicos e com a saúde dos pacientes.
 
Dos quase 11 mil indivíduos incluídos na análise, cerca de 70% tinham apresentavam insuficiência de vitamina D no organismo e era esta percentagem que apresentava mais casos de doenças vasculares e cardíacas ou de diabetes, com uma probabilidade acrescentada em 164%.
 
“Esperávamos constatar que havia uma relação entre doenças do coração e deficiência de vitamina D, mas ficamos surpresos ao descobrir como é forte esta relação”, disse James L. Vacek, professor de cardiologia do hospital da Universidade de Kansas à agência Reuters.

A falta de vitamina D está relacionada com uma série de doenças, mas poucos estudos até agora tinham demonstrado que os suplementos podiam prevenir esses problemas.
 

Por outro lado, foi verificado que a recorrência a suplementos da vitamina oferece ao paciente benefícios substanciais para a saúde. A pesquisa sublinha, porém, que a vitamina D pode não ser a única causa dos efeitos observados. Outros fatores, como doenças ou fatores hereditários, podem ser responsáveis tanto pelas diferenças no estado de saúde como pelos níveis de vitamina D de cada paciente.
 
A vitamina D está presente em alimentos como os ovos e alguns tipos de peixe (como o atum ou a sardinha), mas também em laticínios e bebidas à base de soja. A exposição ao sol é um dos fatores que desencadeia a produção da vitamina na pele.
 
Sabe-se ainda que a vitamina D é fundamental para manter o equilíbrio do corpo através da homeostase, mas também para permitir a absorção e fixação de cálcio e de fósforo e proteger o organismo de doenças infecciosas.

Pode consultar o artigo publicado AQUI.

[Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes]

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close