Em Destaque Sociedade

Violência preocupa Facebook

Novos trabalhadores irão juntar-se aos 4,500 que já existem
Versão para impressão
por redação

Foi anunciado pelo Facebook a contratação de três mil pessoas para trabalharem na remoção de vídeos e publicações impróprias. A nova equipa tem como principal objetivo procurar ou bloquear conteúdos na rede social que envolvam crimes, como homicídio, suicídio entre outros. O anúncio desta decisão foi feito pelo CEO da empresa Mark Zuckerberg.

Segundo explica a Associated Press, as culpabilizações devem-se a vídeos partilhados no Facebook de homicídios em Cleveland e a morte de um bebé na Tailândia. A contratação de três mil novos trabalhadores poderá a vir ser a resposta do Facebook às críticas sobre conteúdos violentos na rede social.

Zuckerberg escreveu que publicações e vídeos violentos são contra as regras do Facebook. “Se queremos construir uma comunidade segura, temos de responder rapidamente. Estamos trabalhar para reportar estes vídeos seja cada vez mais rápido e para podermos tomar uma ação rapidamente – quer seja respondendo rapidamente quando alguém precisa de ajuda ou removendo o post”.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close