Sociedade

Vila Pouca de Aguiar com cantinas abertas no Verão

Durante os meses de Junho e Agosto, o município de Vila Pouca de Aguiar vai manter duas cantinas escolares abertas diariamente. Esta iniciativa vai também apoiar o funcionamento dos campos de férias do município cujas inscrições já arrancaram.
Versão para impressão
Durante os meses de Junho e Agosto, o município de Vila Pouca de Aguiar vai manter duas cantinas escolares abertas diariamente. Esta iniciativa vai também apoiar o funcionamento dos campos de férias do município cujas inscrições já arrancaram. 

Tendo em conta o “ciclo económico adverso” em que nos encontramos, o autarca Alberto Machado explicou à Lusa que, pela primeira vez, o município vai implementar este projeto de apoio social para “garantir aos agregados familiares mais desfavorecidos que as crianças e jovens terão uma refeição equilibrada todos os dias”.

Nesta lógica de responsabilização social, a rede de transportes municipal e as duas cantinas escolares que ficam em funcionamento, em Vila Pouca de Aguiar e Pedras Salgadas, servirão ainda de apoio ao campo de férias e ao programa de ocupação temporária, que a Câmara de Vila Pouca de Aguiar vai implementar neste Verão.

Campos de férias subsidiados

Relativamente aos campos de férias, os participantes vão ser distribuídos em dois grupos, sendo que num deles devem ficar crianças com idades entre três e cinco anos e no outro ficam os restantes participantes dos seis aos quinze anos de idade.

Cada campo de férias vai ter uma duração de quinze dias, a funcionar entre as 9h e as 17h30, onde os participantes vão poder experimentar atividades desportivas, culturais e lúdicas, com refeições e transportes incluídos.

O custo de participação nestas atividades varia consoante as necessidades dos agregados familiares, sendo que, quem usufrui de subsídio de escalão A pode participar gratuitamente, quem usufrui de escalão B paga apenas uma parte do valor de inscrição e, por sua vez, as famílias que não têm necessidade de apoios sociais, terão um custo de participação de 22 euros.

Programa de ocupação temporária para jovens

Já os jovens entre os 16 e os 25 anos podem inscrever-se no projeto de ocupação temporária, que possibilita a participação em atividades sociais úteis, como monitorizar campos de férias, dar apoio logístico a eventos do município ou auxiliar na manutenção de equipamentos e pontos turísticos do concelho.

As inscrições tanto para os campos de férias como para as atividades ocupacionais podem ser feitas até ao dia 7 de Junho na autarquia. Todos os participantes vão ter direito a ajudas de custo diárias pelo desempenho destas atividades.

Notícia sugerida por Carla Neves

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close