Negócios e Empreendorismo

Vila Franca: Novo Hospital tem 100 vagas de trabalho

Enfermeiros, assistentes operacionais e assistentes técnicos são alguns dos profissionais de que o novo hospital de Vila Franca de Xira precisa para completar as suas equipas. A instituição deverá começar a funcionar em pleno a 03 de Abril.
Versão para impressão

Enfermeiros, administrativos, operadores de call center, assistentes operacionais e assistentes técnicos são alguns dos profissionais de que o novo hospital de Vila Franca de Xira precisa para completar as suas equipas. O novo espaço de saúde deverá começar a funcionar em pleno a 03 de Abril.

“As contratações devem-se a duas razões: ao início de atividade de novas valências [psiquiatria, hemodiálise, infeciologia e cuidados intensivos/intermédios], e à reorganização das equipas em função do novo espaço”, explica o Grupo Mello em resposta escrita, enviada à agência Lusa.

Embora as vagas não estejam anunciadas na página online destinada ao recrutamento hospital, quem estiver interessado em concorrer poderá usar o link “candidatura espontânea“, disponível no site oficial, escolhendo no menú a função a que se candidata, explicou ao Boas Notícias uma fonte do hospital.

O Agrupamento “Escala – Vila Franca de Xira”, liderado pelo Grupo Mello, venceu o concurso, realizado em 2009, para a parceria público-privada de concepção, construção e gestão da futura unidade hospitalar, que irá substituir o atual Hospital de Reynaldo dos Santos.

O processo de transferência de serviços para o novo hospital vai decorrer de forma faseada, com início programado para 28 de Março e fim previsto para 03 de Abril [datas ainda sujeitas a aprovação final da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo], segundo o plano de transferência da administração do hospital, a que a Lusa teve acesso.

O novo hospital começou a ser construído, em Maio de 2011, a norte da cidade de Vila Franca de Xira, num investimento que ronda os 100 milhões de euros. A câmara ribatejana cedeu o terreno para a sua construção, num processo que envolveu uma verba de cerca de dois milhões de euros.

O equipamento vai prestar cuidados de saúde a uma população de perto de 215 mil utentes dos concelhos de Vila Franca de Xira, Alenquer, Arruda dos Vinhos, Azambuja e Benavente.

Terá uma capacidade anual de 16 mil internamentos, oito mil cirurgias, 192 mil consultas externas e 104 mil urgências. O novo hospital vai contar ainda com 280 camas de internamento, nove salas do bloco operatório, 33 gabinetes de consulta externa e novas especialidades

[Notícia sugerida por Carla Neves]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close