Sociedade

Vídeo: Recriação do terramoto de 1755 torna-se viral

Um vídeo desenvolvido por um instituto norte-americano e que recria um dos eventos mais marcantes da História portuguesa, o terramoto que assolou Lisboa em 1755, está a tornar-se viral nas redes sociais.
Versão para impressão
Um vídeo desenvolvido por um instituto norte-americano e que recria um dos eventos mais marcantes da História portuguesa, o terramoto que assolou Lisboa em 1755, está a tornar-se viral nas redes sociais.
 
Embora tenha sido, inicialmente, publicada no Smithsonian Channel – canal de televisão do Smithsonian Institute, o maior complexo de museus e investigação do mundo, localizado em Washington, nos EUA -, em Novembro do ano passado, esta “reconstrução” da tragédia reapareceu, agora, no Facebook, onde tem chamado a atenção de milhares de utilizadores.

O vídeo começa por retratar um feriado soalheiro, brindado com um bonito céu azul, mas o cenário idílico é rapidamente desfeito com a terra a abrir-se debaixo do mar, o chão a partir-se ao meio e uma enorme onda a engolir a antiga zona da Ribeira de Lisboa – atual Terreiro do Paço -, ceifando, de imediato, centenas de vidas.
 
Ao assalto impressionante da àgua segue-se o das chamas que, progressivamente, consomem a cidade, deixando apenas ruínas cobertas de negro e envoltas por densas nuvens de fumo. 

“Uma catástrofe de proporções bíblicas”
 

“A 1 de Novembro de 1755, as placas tectónicas moveram-se subitamente, causando um terramoto de 8,5 na escala de Richter cujo epicentro se situou a apenas 240 quilómetros da capital de Portugal e que desencadeou uma série de eventos trágicos”, explica o Smithsonian Institute na descrição do vídeo, divulgado na conta do canal no Youtube.
 
Combinado com um 'tsunami' e incêndios de grandes proporções, o terramoto que “varreu” Lisboa em meados do século XVIII é descrito pelo instituto norte-americano como “uma catástrofe de proporções bíblicas”, que “devastou a religiosa cidade no Dia de Todos os Santos” e “transformou as ruas da capital numa paisagem infernal”.
 
O Smithsonian Institute acrescenta ainda que a “a recriação do desastre” foi feita “a partir dos olhos de um dos sobreviventes” e que o vídeo “revela a forma como este evento deixou o Império de joelhos e abanou as suas crença em Deus”.

 
O terramoto de 1755 resultou na destruição quase total da cidade de Lisboa, mas atingiu, também, a região de Setúbal e grande parte do litoral do Algarve. Cerca de 90 mil dos 300 mil habitantes da capital portuguesa perderam a vida e perto de 85% das construções de Lisboa caíram por terra, entre palácios, bibliotecas, igrejas e hospitais.
 
Por ter sido um dos sismos mais mortíferos da História e pelo seu impacto político e socioeconómico, o terramoto de Lisboa deu origem aos primeiros estudos científicos do efeito dos sismos numa área alargada, marcando, para muitos historiadores, o nascimento da sismologia moderna. 

Notícia sugerida por Maria da Luz


Veja abaixo o vídeo que recria a tragédia de 1755. 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close