Mundo

Venezuela: Chávez abre hotéis a vítimas das cheias

Na sequência das inundações que assolaram o estado venezuelano de Miranda, o presidente Hugo Chávez ordenou que algumas unidades hoteleiras em Higuerote fossem ocupadas pelos desalojados. O Miraflores Palace, que já acolheu diversos líderes mundiais,
Versão para impressão
[Fotografia: © Ariana Cubillos / Associated Press]

Na sequência das inundações que assolaram o estado venezuelano de Miranda, o presidente Hugo Chávez ordenou que algumas unidades hoteleiras em Higuerote fossem ocupadas pelos desalojados. O Miraflores Palace, que já acolheu diversos líderes mundiais, é um dos hotéis que abriga as vítimas das cheias.

“Tenho uma proposta a fazer às vossas famílias: fiquem aqui durante um ano”, declarou Chávez, na passada quarta feira, citado pelo jornal New York Times. “Quando saírem daqui, terão o vosso próprio apartamento”, garantiu o presidente venezuelano às 26 famílias que recebeu no Miraflores Palace.

Chávez ordenou ainda ao comandante geral da Guarda Nacional, o general Luis Mota Domínguez, que verifique quantos edifícios estão “abandonados”, para que estes sejam ocupados com as famílias dos sinistrados.

Por outro lado foi já assinado um decreto de emergência com medidas excecionais. Ainda assim, muitos são aqueles que criticam o governo de Chávez por agir tarde demais e pelo facto de a oferta imobiliária ser já insuficiente para inúmeras famílias que, assim, são obrigadas a residir em barracas, vulneráveis a qualquer intempérie.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close