Saúde

Vacinação contra o HPV acima dos 84%

A Direcção Geral da Saúde revelou esta quarta-feira que, em 2008, mais de 47 mil raparigas nascidas em 1995 foram vacinadas contra o Vírus do Papiloma Humano (HPV), uma das causas do cancro do colo do útero, o que significa uma cobertura superior a 8
Versão para impressão
A Direcção Geral da Saúde DGS) revelou esta quarta-feira que, em 2008, mais de 47 mil raparigas nascidas em 1995 foram vacinadas contra o Vírus do Papiloma Humano (HPV), uma das causas do cancro do colo do útero, o que significa uma cobertura superior a 84%.

A vacina contra o HPV – uma das causas do cancro do colo do útero, carcinoma que mata mais de 300 mulheres por ano em Portugal – é administrada em três doses ao longo de seis meses.

A primeira dose foi administrada a 89,4% das raparigas, sendo que a segunda e terceira doses foram administradas a 7,5% e 84,3% das raparigas que, em 2008, tinham 13 anos.

Estes dados revelam que a fasquia de 80% imposta pela DGS foi ultrapassada, o que “é excelente”, disse Graça Freitas, subdiretora geral da saúde, à agência Lusa. “Perante estes dados, podemos dizer que 84,3% das raparigas com 13 anos em 2008 (47.171) foram vacinadas contra o HPV”, adiantou.

Em 2009, a DGG avançou com a vacinação contra o HPV das raparigas com 17 anos, nascidas em 1992, tendo já sido vacinadas mais de 45 mil.

A vacinação de mulheres adultas está, ainda, afastada do Plano Nacional de Vacinação, podendo estas adquirir a vacina mediante prescrição médica, nas farmácias.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close