Em Destaque Saúde

Vacina mais eficaz

O rotavírus é responsável por cerca de 37% das mortes por diarreia em crianças com menos de cinco anos, um total de cerca de 450.000 crianças por ano.
Versão para impressão
por redação

Uma nova vacina para a prevenção de gastroenterites severas, causadas pelo rotavírus, pode ser mais eficaz e de custo mais baixo. A vacina tem uma eficácia maior de pelo menos 67% na prevenção de gastroenterite grave e da diarreia aguda, que mata ainda muitas crianças, com idades inferiores a cinco anos, em África.

Atualmente as duas vacinas contra o rotavírus são caras e têm de estar em locais refrigerados, o que torna difícil o seu abastecimento, já que em muitos dos países em desenvolvimento a energia não chega em condições a todo o lado.

Segundo os investigadores da Universidade de Harvard, Estados Unidos, e da associação Epicentre, de Paris (criada pela organização Médicos Sem Fronteiras e centrada na pesquisa e formação), esta nova vacina é mais estável com o calor e por isso mais adaptada ao continente Africano.

O estudo foi publicado no “New England Journal of Medicine”.

 

Notícia sugerida por Elsa Martins

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close