Cultura

UC: Alma Mater disponibiliza 4 mil documentos

Alma Mater é a Biblioteca Digital de Fundo Antigo da Universidade de Coimbra (UC) e reúne quatro mil documentos correspondentes a 500 mil imagens que ficarão acessíveis a partir de amanhã, quarta-feira, na internet.

Versão para impressão
Alma Mater é a Biblioteca Digital de Fundo Antigo da Universidade de Coimbra (UC) e reúne quatro mil documentos correspondentes a 500 mil imagens que ficarão acessíveis a partir de amanhã, quarta-feira, na internet.

A Alma Mater visa tornar mais acessível um “património vasto, rico e em alguns aspetos, único”, como é o caso da mais antiga universidade de Portugal, e uma das mais antigas do mundo.

O património digitalizado permite a preservação de todo o acervo de fundo antigo composto por “livros antigos, manuscritos, cartas, fotografias, desenhos e partes de espólio de autores formados pela Universidade de Coimbra como Almeida Garrett, Félix Avelar Brotero e Júlio Henriques”, conforme referiu à Lusa o diretor da Biblioteca Geral e do Sistema Integrado de Bibliotecas da UC, Carlos Fiolhais.

Ao acervo acresce ainda o núcleo “República Digital”, que reúne “diversos documentos” (desde jornais a manuscritos, de livros a correspondência ou de fotografias a desenhos) sobre “as transformações políticas, sociais, científicas e artísticas”, provocadas pela implantação do novo regime, as ideias republicanas e a resistência ao Estado Novo.

O projeto ainda se encontra em conclusão. Faltam digitalizar 200 mil obras de fundo antigo da Universidade produzida até meados do século XX. De acordo com o mesmo responsável para tal “são necessários investimentos”, que na atual situação económica se revelam difíceis de obter.

Europeana – Biblioteca digital europeia
A Alma Mater congrega e valoriza várias bibliotecas digitais já existentes – Biblioteca Digital da Faculdade de Direito, Biblioteca Digital de Botânica da Faculdade de Ciências e Tecnologia e Biblioteca Geral Digital – e outras novas como a Biblioteca Digital da Faculdade de Letras.

Entre outras instituições, é financiada pelo Ministério da Cultura, pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, além de fundos próprios da Universidade, que assim tem investido na valorização dos “tesouros” que guarda.

Os conteúdos destas bibliotecas digitais já estão, em parte, integrados na Europeana, o grande projeto digital sobre o património cultural, da responsabilidade da União Europeia.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close