Mundo

Turquia: Centenas de beijos contra a tirania

No sábado passado, dezenas de casais - alguns do mesmo sexo - beijaram-se publicamente, na Turquia, como forma de apoio a dois jovens que foram repreendidos, em Janeiro, por se terem beijado publicamente no metro.
Versão para impressão
Um beijo pode ser um sinal de afeto mas também uma forma de protesto. No sábado passado, dezenas de casais – alguns do mesmo sexo – beijaram-se publicamente, em Ancara, capital da Turquia, como forma de apoio a dois jovens que foram repreendidos, em Janeiro, por se terem beijado publicamente no metro.
 
De acordo com a agência Associated Press, mais de 100 pessoas juntaram-se na estação de metro da capital transportando cartazes onde se lia “Free Kisses”.

Além dos cartazes e das palavras de ordem, muitos dos casais presentes beijaram-se publicamente como forma de protesto. O mesmo protesto contou com a presença de alguns fundamentalistas islâmicos que se opunham aos manifestantes.
 

De acordo com informação avançada pelos meios de comunicação turcos, após o incidente com os jovens que foram repreendidos por se beijarem, a administração do metro de Ancara emitiu vários anúncios públicos onde pedia às pessoas que “agissem de acordo com as leis morais”.

O assunto da proibição dos beijos em público ganhou uma tal amplitude que chegou ao parlamento, com a oposição a criticar a mistura entre as regras do Islão e as regras civis.
 
As imagens da manifestação estão a tornar-se virais. Embora uma das fotografias que esteja a percorrer as redes se trate, na realidade, de uma imagem de estudantes chilenos, datada de 2011, as restantes são de facto fotos obtidas durante o “protesto dos beijos”, sábado passado, em Ancara. 

Notícia sugerida por Inês Ramos

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close