Sociedade

Três escolas nacionais no ranking do Financial Times

Uma vez mais, as escolas de negócios portuguesas estão em destaque nos prestigiados "rankings" do Financial Times. Três instituições nacionais fazem parte das listas das melhores para formação de executivos a nível internacional.
Versão para impressão
Uma vez mais, as escolas de negócios portuguesas estão em destaque nos prestigiados “rankings” do Financial Times. Três instituições nacionais fazem parte das listas das melhores para formação de executivos a nível internacional divulgadas, este domingo, pelo jornal britânico.
 
No ranking que diz respeito aos Programas de Formação Aberta para Executivos, liderado pelo Institute for Management Development, na Suíça, a Católica Lisbon School of Business and Economics surge em 42º lugar (uma subida de nove posições face ao ano passado) num total de 70, assumindo-se como a única escola portuguesa a fazer parte das 50 melhores do mundo.
 
A mesma escola, que integra a Universidade Católica Portuguesa, faz também parte do “ranking” das melhores no que toca aos Programas de Formação Personalizada para Executivos, ocupando a 54ª posição (uma queda de 6 lugares em relação a 2012) na lista encabeçada pela Duke Corporate Education, que opera nos EUA, Reino Unido, Índia e África do Sul.
 
Em comunicado, a Católica Lisbon School of Business sublinha a sua presença “entre as 20 melhores da União Europeia e as 50 melhores do mundo”, que, acredita a direção, consolida a sua “posição de liderança em Portugal e de destaque internacional”. 
 
Outra das instituições portuguesas destacadas pelo Financial Times é a Porto Business School, da Universidade do Porto, que registou uma subida de cinco lugares no “ranking” relativo aos Programas de Formação Personalizada, paassando da 64ª para a 59ª posição.
 
A instituição integra igualmente, e pela primeira vez, a lista que diz respeito aos Programas de Formação Aberta, ocupando a 68ª posição entre as 70 escolas de negócios escolhidas pelo jornal britânico.
 
“É mais uma etapa cumprida com sucesso na estratégia de afirmação nacional e internacional que definimos para a escola”, considera, numa nota de imprensa enviada ao Boas Notícias, o diretor da Porto Business School, Nuno Sousa Pereira.
 
“A subida, pelo 3º ano consecutivo, da nossa formação à medida, e a entrada direta na categoria de Formação Aberta são excelentes notícias, que nos dão ânimo, sobretudo num contexto adverso como o que vivemos”, acrescenta o responsável que, numa altura em que a escola comemora 25 anos, acredita que este é “um marco importante” e a “confirmação de uma aposta num ensino de excelência e na forte proximidade ao setor empresarial”. 

Nova School of Business também no “ranking”
 

A fechar a presença portuguesa nas listas do Financial Times está ainda a Nova School of Business and Economics, da Universidade Nova de Lisboa, que figura apenas no “ranking” dos Programas de Formação Aberta, no qual ocupa a 58ª posição (uma descida de cinco lugares em comparação com 2012).
 
De acordo com a Universidade, que se manifestou através de um comunicado, a queda na classificação da sua escola de negócios prende-se com o processo de internacionalização da instituição, que apostou na expansão para o mundo lusófono.
 
A instituição de ensino considera que “o impacto potencialmente negativo” deste processo para a classificação nestes “rankings” era expectável, mas salienta que espera inverter a tendência decrescente no próximo ano.

Clique AQUI e AQUI para aceder aos dois “rankings” completos divulgados pelo Financial Times.

Notícia sugerida por Hugo Silva, David Ferreira e Maria Manuela Mendes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close