Sociedade

Transportes: Metro vai continuar aberto até à 1h00

NULL
Versão para impressão

Uma das medidas mais polémicas avançada pelo governo, a redução do horário do metro de Lisboa cujo encerramento passaria para as 23h, não vai para a frente. O relatório com propostas para reduzir os custos das empresas de transportes públicos de Lisboa chegou, esta semana, ao Ministério da Economia.

Segundo informação avançada pela Antena 1, a proposta final do grupo de trabalho criado para estudar a reestruturação da rede de transportes não inclui a possibilidade do metropolitano de Lisboa fechar mais cedo. O metropolitano continuará a funcionar até à uma da manhã, embora o grupo de trabalho proponha que passe a circular mais devagar, para poupar energia.

No entanto, o relatório propõem outras medidas que poderão gerar polémica. Entre elas, que a Carris acabe com 16 carreiras e altere cerca de 40, que as ligações fluviais Cais do Sodré/Seixal/Montijo se resumam às horas de ponta e novos horários nas linhas CP de Sintra e Azambuja. Prevê-se ainda o fim da ligação fluvial entre a Trafaria e Belém.

A reformulação da rede de transportes sugerida no relatório prevê uma poupança anual de quase 21 milhões de euros. Na Carris a redução de custos é de 8,52 milhões, na Transtejo de 7,2 milhões, no metro de 4,77 milhões e na CP de 350 mil euros.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close