Sociedade

Torres Vedras: Luzes de Natal substituídas por lasers

NULL
Versão para impressão
Depois de várias autarquias terem anunciado que vão reduzir as iluminações de Natal ou mesmo extingui-las por completo para reduzir os custos, a câmara de Torres Vedras decidiu inovar. As tradicionais luzes e decorações da época natalícia vão ser substituídas por animações luminosas projetadas nas fachadas dos edifícios com tecnologia laser.

As ruas da cidade de Torres Vedras não vão perder o espírito natalício, vão, isso sim, renová-lo. Em vez das habituais decorações por cima das ruas com luzes acesas durante toda a noite, “vão ser instalados 54 sistemas laser que vão projetar nas paredes dos prédios vários efeitos”, explicou à Lusa Carlos Miguel, o presidente do município.

No total é esperada uma poupança de 45 mil euros, já que em oposição aos 70 mil euros gastos em anos anteriores, este ano a fatura vai ficar-se pelos 25 mil euros. Mas esta não será a única atração visível na cidade. As ruas do centro histórico vão poder ser percorridas num comboio turístico com passagem obrigatória pela árvore de Natal gigante e com música ambiente.

Nas montras das lojas vão estar trabalhos de 30 artistas plásticos, para “aumentar a atratividade ao centro histórico, criar um circuito de visita pelas montras e transformar a baixa torriense num centro de criatividade”, escreve a Lusa. Esta iniciativa surge em parceria com a Cooperativa de Comunicação e Cultura da cidade.

Um automóvel vai ser também sorteado por entre os cidadãos que apresentem faturas superiores a 10 euros no comércio tradicional do concelho, uma forma de promover os produtos locais.

Destinada mais às crianças vai estar espalhada pela cidade uma exposição de brinquedos de várias datas, sendo o mais antigo um brinquedo do ano 700. Todos os objetos pertencem a um colecionados privado que coleciona desde os 12 anos, tendo adquirido brinquedos “nos quatro cantos do mundo, desde a Alemanha, a Dinamarca, passando pelo Senegal e África do Sul, até ao Brasil e à Argentina”, escreve a agência.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close