Mundo

Tiananmen: ativistas tentam transmitir homenagem

Ativistas de Hong Kong vão tentar transmitir em direto, através da Internet, a vigília em homenagem às vítimas do massacre de Tiananmen para que os residentes no continente chinês, onde o assunto é tabu, possam assistir à cerimónia sem a interferênci
Versão para impressão
Ativistas de Hong Kong vão tentar transmitir em direto, através da Internet, a vigília em homenagem às vítimas do massacre de Tiananmen para que os residentes no continente chinês, onde o assunto é tabu, possam assistir à cerimónia sem a interferência do Governo.

A estação Green Radio, da qual faz parte o ativista Yang Kuang, tem unido esforços para a transmissão regular da vigília. Contudo, em 2009, o Governo chinês conseguiu detetar o único servidor utilizado pela rádio e imediatamente bloqueou o acesso à página da Internet onde a transmissão podia ser vista.

Este ano, com a ajuda de vários cidadãos que apoiam a causa, a Green Radio garante que irá utilizar pelo menos 40 servidores, dificultando, assim, o bloqueio da transmissão por parte das entidades governamentais.

“Em 2009, houve muita gente do continente chinês a assistir à vigília através da Internet e, como há muitas pessoas que não podem vir até Hong Kong para esta iniciativa, vamos dar o nosso melhor para lhes proporcionar uma solução tecnológica”, refere Yang, citado pelo jornal South China Morning Post.

Há 20 anos que a Região Administrativa Especial de Hong Kong relembra os milhares de estudantes que se reuniram na Praça Tiananmen de Pequim, na noite de 3 para 4 de junho de 1989, num protesto pacífico contra o regime chinês.

O Governo chinês mantém a sua tese de que o movimento foi um “tumulto contrarrevolucionário”, sendo que a discussão pública do assunto no continente é ainda um tabu.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close