Fitness & Bem-estar

Studio Roulette: ‘Daddy cool’ ou ‘pai digital’?

Todos os dias são bons dias para lembrarmos como os pais são importantes na nossa vida. E porque há muitas formas de ser pai, o Studio Roulette deixa aqui seis retratos dos 'estilos' de pais que há hoje em dia.
Versão para impressão

O Dia do Pai é como o Natal: é quando um(a) filho(a) quiser! Todos os dias são bons dias para lembrarmos como os pais são importantes na nossa vida. E porque há muitas formas de ser pai, o Studio Roulette deixa aqui seis retratos dos ‘estilos’ de pai que há nos dias de hoje! Algum lhe soa familiar? 
 
#1 – Daddy Cool
Porque não começar pelo pai porreiro, boa onda, sempre compincha e amigo? É o pai que todos querem (embora às vezes possa ser chato por dar pouco espaço). Os passeios são sempre garantidos, bem como a diversão e a especial apetência por aventuras. A imposição das responsabilidades (como a hora do estudo) são por norma passadas às mães.
 
#2 – O pai antiquado
Internet, ecrã tátil ou qualquer proximidade com a tecnologia não é para este pai que encara as redes sociais como uma moda ‘chata’ e passageira. E não são só estas as modernices que são olhadas de lado: as saídas à noite são controladas (em particular com as filhas) e há sempre horas para comer, horas para dormir, horas para acordar… Este pai à moda antiga desperta ao menos a criatividade nos filhos, já que obrigada a várias artimanhas para fugir às regras.

#3 – O pai de negócios
Ao pai de negócios nada escapa. Podemos facilmente acompanhar o sentido de humor através das ações do mercado ou viabilidade dos seus negócios. Tem o tempo quase todo ocupado e quando dispensa um bocadinho de si aos filhos muitas vezes é para negociar: se te portares bem, recebes um bónus. O bom disto é que ensina os filhos a ter estratégia de futuro e a criar objetivos na vida.
 
#4 – O padrasto
A palavra “padrastro” pesa. Culpa dos contos de fada que colocavam sempre a personagem de padrasto (ou madrasta) como o mau da fita. Não sendo pai biológico, tem o dobro do trabalho: conquistar a mãe e os filhos e nalguns casos, talvez seja melhor o inverso. É um elemento ‘estranho’ à família biológica e nem sempre são bem-vindos, pelo menos no início. Ainda assim, faz muitas vezes o papel de pai e, ao contrário dos contos de fadas, podem nascer daqui verdadeiras relações de amizade e confiança.

#5 – O pai exigente
Exames com 20 valores, praticar desporto, ser responsável, cumprir as regras. Este pai exige o máximo dos filhos. Não os larga de vista, sabe os seus passos e tem sempre argumentos para levar a sua avante. Nunca parece satisfeito (na verdade está, só que não admite). É por isso um pai presente e eficiente mas exigente.

#6 – O pai 'digital'
Redes Sociais? Smartphones? Selfies? Se tu dominas, eu vou saber ainda mais do que tu. Não nos deixemos enganar: Há pais que sabem mais do que nós no que diz respeito à era digital. Consultam os sites para estarem em cima das novidades, querem ter no bolso o último modelo do melhor smartphone do mercado e são ativos no Facebook (às vezes para desgosto dos filhos que assim perdem alguma “privacidade” online), fazem likes e comentários a todas as fotografias e “estados de alma” dos filhos. Um pai sempre ligado, portanto! 

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close