Saúde

Sida: Infeções caíram 25% em todo o mundo

NULL
Versão para impressão
O número de novas infeções por HIV no mundo caiu 25% na última década, com menos 26% de crianças infetadas em 2009 e “progressos significativos” no acesso ao tratamento e à prevenção da sida, indica o novo relatório da agência das Nações Unidas para a sida.

No ano em que se assinalam os 30 anos do aparecimento do primeiro caso de sida, um relatório divulgado pelo Programa das Nações Unidas sobre HIV/Sida (UNAIDS) avança dados animadores em relação à evolução da doença e resultados dos tratamentos aplicados: a taxa global de novas infeções pelo HIV diminuiu quase 25% entre 2001 e 2009.

O comunicado da UNAIDS explica que nos últimos anos tem havido “progressos significativos” no que diz respeito à prevenção de novas infeções pelo HIV entre as crianças, graças ao número crescente de mulheres grávidas infetadas que têm tido acesso à profilaxia antirretroviral durante a gravidez, parto e amamentação. Resultado desta medida o número de crianças infetadas com o HIV em 2009 foi 26% menor que em 2001.

Em 2010, cerca de 6,6 milhões de pessoas receberam terapia antirretroviral em países de renda média e baixa, um valor 22 vezes superior aos valores de 2001, segundo o novo relatório.  

Mais 50% de crianças com acesso a tratamento

Em relação ao tratamento da sida foi batido um recorde em 2010, com 1.4 milhões de pessoas a iniciarem terapias capazes de salvar vidas. Entre estas pessoas 420.000 são crianças, o que representa um aumento de 50% em relação aos dados de 2008, quando apenas 275 000 crianças estavam em tratamento.

Segundo Michel Sidibé, diretor executivo da Unaids, “a terapia antirretroviral é uma grande mudança no jogo, não só impede as pessoas de morrer, como evita a transmissão do HIV para mulheres, homens e crianças.”

Estas declarações surgem no seguimento dos últimos resultados do ensaio HPTN052 que descobriram que uma pessoa infetada com HIV que adira a um regime eficaz antirretroviral, reduz até 96% o risco de transmitir o vírus aos seus parceiros sexuais.

Na Índia, a taxa de novas infeções pelo HIV caiu mais de 50% e na África do Sul mais de 35%, os países com maior número de pessoas infetadas com HIV nestes continentes.

[Notícia sugerida por Patrícia Guedes]

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close