Em Destaque Inovação e Tecnologia

Semana da Ciência e da Tecnologia 2017

Começa hoje a Semana da Ciência e da Tecnologia
Versão para impressão
por redação

Até ao próximo domingo, serão sete dias de visitas guiadas a laboratórios, palestras com investigadores, cafés de ciência e actividades experimentais para todas as idades, num total de mais de 400 acções gratuitas em todo o país.

Na segunda, dia 20, o Centro Ciência Viva de Lagos promove as “Tardes Maker”, uma acção para escolas do 1.º Ciclo com demonstrações de robôs, autómatos e experiências com gadgets electrónicos. Já o Centro Ciência Viva de Estremoz leva a sua exposição de dinossáurios até à Estufa Fria de Lisboa.

Na terça, dia 21, o Instituto Politécnico de Bragança apresentará ao público a microrrede inteligente em funcionamento no VERCampus, um projecto que visa a implantação neste campus universitário de um “parque vivo” dedicado à disseminação das energias renováveis.

Na quarta, dia 22, no ExpoLab Centro Ciência Viva, Açores, os textos do poeta e divulgador de ciência António Gedeão/Rómulo de Carvalho serão o mote para a exploração de uma série de conceitos científicos e experiências laboratoriais.

Na quinta, dia 23, o Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica, em Viseu, dará a conhecer que moléculas se escondem na saliva e como podem ser usadas para apurar a saúde e mesmo o estado emocional de cada um. Já o Centro de Investigação em Saúde e Ambiente, no Porto, promove speed datings em que o público terá cinco minutos para perguntar tudo o que sempre quis saber a um investigador.

Na sexta-feira, 24, Dia Nacional da Cultura Científica, às 16.00, a Galeria da Biodiversidade Centro Ciência Viva, no Porto, estende a passadeira vermelha para a cerimónia de entrega dos Prémios Ciência Viva Montepio 2017, atribuídos anualmente como reconhecimento por intervenção de mérito excepcional na divulgação científica e tecnológica. O físico Carlos Fiolhais, a investigadora na área das ciências da educação Isabel P. Martins, e as jornalistas Filomena Naves (Diário de Notícias) e Teresa Firmino (Público) são os vencedores deste ano.

No sábado, dia 25, às 16.00, o Pavilhão do Conhecimento será palco do debate A Guerra do Fogo, no qual especialistas e cidadãos irão discutir os contributos da ciência e da tecnologia na valorização da floresta e na prevenção dos incêndios florestais. Esta é uma iniciativa da Ciência Viva e da Unidade de Missão para a Valorização do Interior. Outros debates decorrerão esta semana na Rede Nacional de Centros Ciência Viva.

Programa nacional da Semana da Ciência e da Tecnologia 2017 em www.cienciaviva.pt

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close