Sociedade

Santa Casa reforça orçamento em 1.5ME

NULL
Versão para impressão
A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) aumentou em um milhão e meio de euros o orçamento deste ano nas áreas sociais, para fazer face às dificuldades económicas e sociais do país, noticia o semanário Expresso desta semana.

Esta verba tem como objetivo responder às novas responsabilidades da instituição com a gestão de 33 equipamentos, como creches, lares de idosos e centros de apoio a deficientes, que foram transferidos, no mês de Maio, da Segurança Social para a SCML. A transferência dos serviços é temporária mas pode passar a definitiva.

Neste momento a SCML tem como preocupação imediata a possibilidade de prolongamento da crise. Em declarações ao jornal Expresso, Isabel Farrajota, porta-voz da instituição disse que a “reafetação de verbas” é um “ato preventivo” da SMCL de forma a responder a eventualidades.

“Se há necessidade evidente, acolhemos de imediato. Por questões humanitárias ninguém fica excluído”, disse Isabel Farrajota. O utente médio da Santa Casa encontra-se três a quatro vezes abaixo do limiar da pobreza, e por isso não é afetado pela conjunturas económicas, quer sejam elas de expansão ou de retração, mantendo-se sempre no mesmo nível.

Em 2010 a SCML destinou oito milhões de euros para apoiar 900 pessoas em lares de idosos externos à instituição. “Não tenho dúvidas de que a vida em Lisboa piorava e haveria mais conflitos sociais se a Santa Casa não existisse”, adiantou a porta-voz da instituição.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close