Sociedade

Reclusos de Leiria levam Ópera ao palco

'Integração social através da música' é um dos objetivos principais do projeto Ópera na Prisão: D. Giovanni 1003 - Leporello 2015, que este ano vai levar pela última vez cerca de 25 jovens do Estabelecimento Prisional de Leiria para o palco.
Versão para impressão
Apostar na integração social através da música é o objetivo principal do projeto 'Ópera na Prisão' que envolve cerca de 25 jovens do Estabelecimento Prisional de Leiria. Em Setembro, a ópera de Mozart "Don Giovanni" sobe ao palco do teatro José Lúcio da Silva com as vozes destes improváveis cantores.

Com início em 2014, este projeto musical quis aproximar os reclusos de Leiria à música, mais especificamente, à ópera. Durante três anos, estes jovens, pois o estabelecimento de Leiria acolhe população juvenil, ficaram a conhecer a vida de Mozart e de outros compositores, aprenderam a ler pautas de música e a cantar ópera em italiano.

 
Os jovens receberam aulas semanais de grupo e aulas individuais, pautadas por momentos de riso e algumas performances espontâneas de hip hop e beatbox, como se vê nos vídeos realizados sobre o projeto.
 
A produção do espetáculo final – que em 2015 já subiu ao palco do EPL – contou com a ajuda de vários realizadores, técnicos e professores, entre eles o autor e diretor do projeto, Paulo Lameiro. O músico é também autor do projeto Concertos para Bebés, sendo que a iniciativa é dinamizada pela Sociedade Artística e Musical dos Pousos.

Ópera na Prisão © Gulbenkian / Joaquim Dâmaso
 
A ópera realizada pelos reclusos de Leiria é da autoria do compositor austríaco Wolfgang Mozart e conta a história de Don Giovanni, um jovem nobre, arrogante e promíscuo que insulta todos os que conhece até que encontra um obstáculo que não consegue destruir.
 
A história é baseada num texto em Italiano do escritor Lorenzo Da Ponte e, como tal, a ópera é cantada inteiramente Italiano. A única exceção é a canção final, um rap português elaborado pelos próprios reclusos.
 
Embora a adaptação tenha sido difícil no início, como é possível ver nos vídeos do projeto gravados em 2014, à medida que foram treinando as cordas vocais, aumenta a competência e a confiança destes cantores amadores – ver vídeo abaixo.

Para confirmar o sucesso desta iniciativa musical o melhor é visitar o Teatro José Lúcio da Silva, no dia 17 de Setembro, data do último concerto deste grupo de jovens inspirados e inspiradores.

 


A Ópera na Prisão foi desenvolvida em parceria pela SAMP (Sociedade Artística Musical dos Pousos) e o Estabelecimento Prisional de Leiria – Jovens. O projeto foi financiado pela Fundação Gulbenkian através do programa Partis – Integração social através das práticas artísticas.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close