Em Destaque Mundo

Projeto “Saúde a Sorrir” assinala quatro anos desde a implementação

Mundo A Sorrir já beneficiou 24 mil crianças em São Tomé e Príncipe
Versão para impressão
por redação

A ONG Mundo A Sorrir, através do projeto Saúde a Sorrir realizou, em quatro anos, mais de 24 mil rastreios médico-dentários a crianças das escolas do 1ºciclo de São Tomé e Príncipe. A estes números, somam-se ainda 3.400 tratamentos médico-dentários e a doação de cerca de 23.000 escovas e pastas de dentes, assim como diversas palestras de sensibilização.

“São resultados muito positivos que nos motivam e incitam a fazer mais e melhor. Com a realização de duas missões por ano, conseguimos acompanhar de forma contínua estas crianças, podendo garantir a alteração de hábitos nocivos, a implementação de rotinas saudáveis e a diminuição da prevalência de doenças como a cárie dentária ou a diabetes”, explica Catarina Sousa, coordenadora do projeto.

O projeto Saúde a Sorrir tem como objetivo contribuir para a melhoria da saúde da população socioeconomicamente vulnerável e intervém em três áreas: a prevenção, a assistência médica e a capacitação. Capacitar os professores e os profissionais de saúde locais para a importância da correta escovagem dentária e a sua relação com a Saúde Oral, os estilos de vida saudáveis e a saúde em geral é outras das prioridades do projeto Saúde a Sorrir.

A acrescentar a este projeto, a Mundo A Sorrir pretende dar continuidade ao trabalho neste país africano, implementando o projeto “Aprender A Ser Saudável”, que visa a escovagem dentária acompanhada, em contexto escolar, a sensibilização para a importância da nutrição e da prática de atividade física.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close