Ambiente

Projeto inovador português recicla escovas de dentes

Com o objetivo de promover, ao mesmo tempo, a saúde oral e o ambiente, José Pedro Gomes, de 25 anos, criou o projeto pioneiro RED Projet que, desde Março, reciclou já mais de 400 escovas dentárias.
Versão para impressão
Numa era em que a reciclagem é uma prática comum para muitos cidadãos, um jovem higienista oral português começou a questionar-se por que razão não se reutilizavam ainda as escovas de dentes usadas. Com o objetivo de promover, ao mesmo tempo, a saúde oral e o ambiente, José Pedro Gomes, de 25 anos, criou o projeto pioneiro RED Projet que, desde Março, reciclou já mais de 400 escovas dentárias, evitando que estas acabassem entre o lixo indiferenciado.
 
por Catarina Ferreira
 
“A sustentabilidade em todas as áreas é urgente e eu, que me dedico a uma profissão que promove a saúde oral, comecei a pensar em que medida poderíamos ser 'verdes'. Comecei a interrogar-me, ao olhar para a escova, porque é que estes objetos não eram reciclados, se para mim, que não percebia nada de plásticos e lixo, a ideia era passível”, conta o jovem nascido em Braga mas residente no Montijo, em entrevista ao Boas Notícias.
 
Depois de muita pesquisa, o higienista, licenciado pela Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa, ficou a saber que as escovas não elétricas poderiam ser depositadas no lixo indiferenciado para incineração com vista a “produzir energia elétrica” ou “ser aterradas”, mas que havia já ativistas ambientais preocupados com a reutilização destes objetos. 
 
“Apercebi-me que se tratava de uma ideia inovadora e decidi começar a trabalhar no sentido de a concretizar”, revela José Pedro ao Boas Notícias. “Comecei a juntar escovas de dentes, pedindo a amigos, e a pesquisar fábricas de plásticos. Quando juntei cerca de 50 escovas, marquei uma reunião e dirigi-me à [empresa] Crokplastic – Reciclagem e Transformação de Polímeros Lda.”


José Pedro Gomes foi o primeiro a reciclar a sua escova numa farmácia do Montijo
 

A ideia foi apresentada e o desafio foi aceite pela fábrica, que se propôs criar um método inovador para reciclagem destes objetos. O RED Projet constituiu-se em Janeiro deste ano e, a 1 de Março, deu-se o lançamento oficial. Atualmente, as escovas só podem ser entregues no ponto de recolha da farmácia Borges da Cruz, no Montijo, que se associou ao projeto, permitindo que ali decorresse a fase piloto, mas por pouco tempo.
 
“Muito em breve os Escovões [o género de 'ecopontos' em que são recolhidas as escovas] estarão numa farmácia perto de todos para que seja possível a sua reciclagem e para que quem contribuir possa usufruir de descontos que estejam associados em determinado período à aquisição de uma escova nova”, promete este jovem empreendedor.

Português quer levar o projeto a outros continentes
 

Embora, por agora, a reciclagem esteja circunscrita a uma área limitada, já foram recolhidas “374 escovas manuais e 27 escovas elétricas”, desvenda José Pedro ao Boas Notícias. Graças à colaboração da Crokplastic, que, assim, se tornou parceira do projeto, os materiais que as compõem são, depois, separados e “reutilizados na manufatura de outros itens”, como baldes, cestos ou caixas de plástico.
 
“Podemos dizer, sem sombra de dúvidas, que o RED Projet está a ter sucesso. Temos sido convidados para os mais variados eventos de promoção da saúde nas crianças e também nos mais crescidos por meio de workshops”, congratula-se o mentor da iniciativa.

No Facebook, a página oficial do projeto soma mais de 1.000 gostos “e cerca de meio milhão de visualizações” e o RED Projet já chegou, até, aos 'ouvidos' do país vizinho, depois de uma entrevista dada pelo seu criador à publicação espanhola Saludentaria.
 

Futuramente, José Pedro Gomes pretende “alcançar outros continentes” e espalhar “a boa prática verde de reciclagem da escova de dentes a outras culturas e povos”, com vista, não só “à promoção da saúde oral individual, mas também à preservação do meio ambiente, na medida em que, ao reciclar, prevenimos a poluição por outros processos de escoamento de matérias menos ecológicas”. 
 
“Temos múltiplas ideias para o futuro e queremos que este projeto vanguardista, ambiental, sustentável e atuar permita fazer com que se torne de ordem cultural e cívica a reciclagem da escova de dentes”, afirma o jovem. “Esperamos conseguir contribuir para a preservação ambiental e que a conjuntura presente nos possibilite ir mais longe”, conclui.

Clique AQUI para aceder à página oficial do RED Projet no Facebook e saber mais sobre este projeto.

Notícia sugerida por Ana Zaida Silva

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close