Sociedade

Programas do Banco Mundial salvaram 13 milhões

Os programas de ajuda do Banco Mundial (BM) relacionados com as metas dos Objetivos de Desenvolvimento do Milénio - nomeadamente a eliminação da pobreza extrema no mundo até 2015 - permitiram salvar a vida de treze milhões de pessoas desde 2000, segu
Versão para impressão
Os programas de ajuda do Banco Mundial (BM) relacionados com as metas dos Objetivos de Desenvolvimento do Milénio – nomeadamente a eliminação da pobreza extrema no mundo até 2015 – permitiram salvar a vida de treze milhões de pessoas desde 2000, segundo o presidente do organismo.

Robert Zoellick garante que a instituição vai redobrar os esforços para mobilizar novos investimentos na agricultura, educação e saúde para permitir o cumprimento das metas do milénio em cinco anos e melhorar o bem-estar das populações mais pobres.

Para isso, o presidente do BM considera que é necessário fazer convergir os diferentes objetivos, pois “não é suficiente construir centros de saúde onde não existem estradas” e “não é suficiente fornecer livros didáticos se as crianças não podem fazer trabalhos de casa” devido ao escuro da noite.

Robert Zoellick frisou ainda que estes objetivos “são centrais para a missão do Banco Mundial”.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close