Sociedade

Primeira fábrica de nanomateriais em Coimbra

A Innovnano, uma empresa do grupo CUF, assina esta sexta-feira um acordo para a compra de 3,3 hectares de terreno no iParque, em Coimbra, onde vai ser instalada a primeira fábrica de nanomateriais do país. A nova unidade fabril vai empregar 40 trabal
Versão para impressão
A Innovnano, uma empresa do grupo CUF, assina esta sexta-feira um acordo para a compra de 3,3 hectares de terreno no iParque, em Coimbra, onde vai ser instalada a primeira fábrica de nanomateriais do país. A nova unidade fabril terá cerca de 40 trabalhadores.

A fábrica – que deve estar operacional já no início de 2012 e cuja construção representa um investimento de 10 milhões de euros – poderá, na sua capacidade máxima, produzir mil toneladas de nanomateriais (um nanómetro é a milionésima parte de um milímetro), aplicados em áreas tão diversas como as energias renováveis ou os protetores solares.

O processo de fabrico da Innovnano é patenteado a nível internacional e a administração da empresa planeia um trabalho de grande proximidade entre a nova fábrica e a comunidade universitária para aumentar o número de patentes.

“Estar próximo da comunidade científica, das universidades e ter acesso a mão-de-obra é fundamental. Temos uma equipa interna, mas trabalhamos com equipas externas, com vantagens para ambos os lados. Assim conseguimos ter acesso a investigadores de grande qualidade e a conhecimento em áreas especializadas”, explica André Albuquerque, administrador da Innovnano, em declarações ao jornal Público.

A nova fábrica de nanomateriais, com “uma parte produtiva e um laboratório (…), fundamental para o desenvolvimento de novos produtos e para o controle de qualidade”, virá reforçar a produção de aplicações para uso industrial da Innovnano.

A empresa tem prontos a entrar no mercado produtos como a zirconia tetragonal (aplicação, por exemplo, em próteses para biomedicina), a zirconia cúbica (para pilhas de combustível) e o óxido de zinco nanométrico (aplicação em cosmética, nomeadamente em protetores solares), avança o público.

[Notícia sugerida pelo utilizador Adérito Valentim]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close