Negócios e Empreendorismo

Portugal já produz 72% do azeite que consome

Portugal está no caminho da autossuficiência na produção de azeite, com o País a produzir, neste momento, 72% do que consome.
Versão para impressão

Portugal está no caminho da autossuficiência na produção de azeite, com o País a produzir, neste momento, 72% do que consome. A garantia foi dada sexta-feira passada, pelo secretário de Estado da Agricultura, José Diogo Albuquerque.

Num seminário, em Trás-os-Montes – o segundo maior produtor nacional a seguir ao Alentejo – o governante recordou que o País “já teve autossuficiência, perdeu-a, mas foi crescendo e agora está num período de recuperação e dinamismo”.

Nos últimos cinco anos, segundo disse, a produção de azeite e a exportação duplicaram e os olivais já asseguram 72% do azeite consumido a nível nacional, o que faz o governante acreditar que “é possível atingir a autossuficiência no futuro”.

Exportações: 160 milhões de euros por ano

Só na região de Trás-os-Montes, onde decorreu, em Mirandela, um seminário sobre o setor, foram plantados nos últimos anos mais três mil hectares de novo olival, o correspondente, segundo José Diogo Albuquerque, a “22% da superfície total de Portugal”.

“Isso é bom porque quanto mais autossuficiente formos, no fundo, teremos menos euros importados e mais euros nacionais e isso ajuda a nossa economia”, considerou.

O secretário de Estado sublinhou que “Portugal está a aumentar as exportações de azeite”, especificando que valem 160 milhões de euros por ano.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close