Ambiente

Portugal é o quinto país com mais bandeiras azuis

Portugal volta a ultrapassar o recorde de bandeiras azuis. Em 2016, são 314 as praias que vão hastear este galardão: mais 15 praias do que em 2015. Com este resultado, Portugal confirma-se como o 5.º país do mundo com mais bandeiras azuis.
Versão para impressão
No ano em que a certificação Bandeira Azul comemora 30 anos de existência, Portugal volta a ultrapassar o recorde de bandeiras. Em 2016, são 314 as praias que vão hastear este galardão: mais 15 praias do que em 2015. Com este resultado, Portugal confirma-se como o 5.º país do mundo com mais bandeiras azuis. 
 
Ultrapassando pela primeira vez as 300 praias galardoadas, a Associação Bandeira Azul da Europa confirmou 314 Bandeiras Azuis nas praias portuguesas e 17 bandeiras em Portos de Recreio e Marinas. A lista foi divulgada pelo Júri Internacional numa cerimónia que decorreu no dia 29 de Abril, em Lisboa.

A lista internacional de 2016, a que o Boas Notícias teve acesso, confirma Portugal como o 5.º país do mundo com mais bandeiras azuis, num total de 54 países onde este certificado é atribuído. Espanha ocupa o primeiro lugar do pódio com 578 bandeiras, seguida da Turquia (436), Grécia (395) e França (379). 
 
Praia de Mira é única do mundo com bandeira há 30 anos
 
A lista oficial deste ano, confirma também a Praia de Mira como a única Praia no mundo com Bandeira Azul há 30 anos consecutivos. 

E o Algarve mantém-se como a zona do país com mais bandeiras hasteadas, num total de 88 areais certificados, mais três do que em 2015.
 
Mais de 4.000 bandeiras azuis na Europa
 
O Programa Bandeira Azul apresenta três vertentes: praias, marinas e embarcações de recreio, tendo como instrumento o galardão Bandeira Azul da Europa, atribuído anualmente mediante o cumprimento de um conjunto de critérios de natureza ambiental, de segurança e conforto dos utentes e de informação e sensibilização ambiental. 
 
Em toda a Europa, há já mais de 4.000 locais balneares assinalados com este símbolo de qualidade. A nível internacional, a Bandeira Azul da Europa é reconhecida como um eco-label pela Comissão Europeia e pelo Programa das Nações Unidas para o Ambiente, estando já a ser aplicada em vários países fora da Europa, como é o caso do Brasil, da Jamaica, África do Sul e Polinésia Francesa, entre outros. 
 
A estrutura de funcionamento da Campanha em Portugal, assim como o seu processo de decisão assenta na colaboração entre entidades públicas e privadas com responsabilidades ou interesses nas praias.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close