Inovação e Tecnologia

Porto: Wi-Fi grátis nos autocarros é notícia nos EUA

O serviço inovador e gratuito de Wi-Fi disponível nos autocarros e táxis do Porto está a dar que falar no estrangeiro. A rede veicular portuense criada pela start-up portuguesa Veniam mereceu o destaque da revista MIT Technology Review, nos EUA.
Versão para impressão
O serviço inovador e gratuito de Wi-Fi disponível, atualmente, nos autocarros e táxis da cidade do Porto está a dar que falar no estrangeiro. A rede veicular portuense – a maior do mundo – criada pela start-up portuguesa Veniam mereceu, a semana passada, o destaque da revista MIT Technology Review, publicada pelo MIT – Massachusetts Institute of Technology, nos EUA.
 
De acordo com a publicação, a “enorme rede de Wi-Fi em movimento” lançada na Invicta este Outono tem “potencial para servir como modelo para muitas outras cidades”, estendendo-se “a mais de 600 autocarros [da STCP] e táxis” e servindo cerca de 70.000 pessoas por mês. 
 
A revista norte-americana explica que, “além de fornecer acesso à Internet” aos passageiros, esta rede “está também a ser usada para recolher dados através de sensores”. Quando um táxi ou um autocarro encontra, por exemplo, um buraco na estrada, os sensores detetam-no “e transmitem a informação à Câmara Municipal, indicando onde são necessárias reparações”, ilustra.
 
No artigo, MIT Technology Review salienta ainda o sucesso da Veniam, start-up com selo nacional nascida em 2012 e, desde então, representada nas Universidades de Aveiro e do Porto, que conquistou, recentemente, um investimento norte-americano de 4,9 milhões de dólares (cerca de 3,9 milhões de euros).
 
Como o Boas Notícias anunciou há algumas semanas, o investimento foi feito por um consórcio liderado pela empresa norte-americana de capital de risco True Ventures com a participação de outras duas companhias e investidores privados e vai permitir à empresa portuguesa a expansão no universo tecnológico de Silicon Valley, nos EUA. 
 
A Veniam dedica-se ao desenvolvimento de tecnologia inovadora e tem como objetivo criar o conceito de “Internet em movimento”, utilizando a conetividade entre veículos, objetos móveis e utilizadores finais para ampliar a cobertura de rede Wi-Fi a custos reduzidos, implantando redes veiculares nas cidades que transformam carros, autocarros ou camiões em 'hotspots' (pontos de acesso) WiFi móveis.

Clique AQUI para aceder ao artigo publicado na revista MIT Technology Review (em inglês).

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close