Sociedade

Porto: ISEP ajuda jovens a gostar de matemática

Até Março de 2014, um grupo de docente do ISEP vai dar aulas gratuitas a várias turmas do ensino secundário das escolas do Porto.
Versão para impressão
“Matemática Fora de Horas” é um projeto do Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP) que quer ajudar os alunos “a fazer as pazes” com a matemática. Até Março de 2014, um grupo de docente do ISEP vai dar aulas gratuitas a várias turmas do ensino secundário das escolas do Porto. 

Direcionada para os alunos do 10º, 11º e 12º anos de escolaridade, a primeira aula acontece já no dia 12 de Dezembro, pelas 22h00, no ISEP, com uma turma da Escola Secundária do Cerco. 

Depois, todas as quintas-feiras à mesma hora, e até Março de 2014, os docentes do Departamento de Matemática do ISEP vão estar disponíveis para despertar em alunos de diferentes escolas o gosto pela matemática e motivá-los para as áreas científica e tecnológica. 


Em 90 minutos de aula, as turmas serão confrontadas com a importância da matemática na prevenção e resolução de problemas reais como estratégia para incentivar o gosto pela matemática e motivar os alunos para as áreas científicas e tecnológicas. Além disso, haverá um momento de convívio entre os participantes da aula e alunos do ISEP.

Matemática aplicada ao dia-a-dia

O “Matemática Fora de Horas”, que tem o apoio da Câmara Municipal, acontece depois do projeto “Matemática Fora de Portas” que decorreu entre Abril e Maio de 2013 e levou a matemática à Avenida dos Aliados e à Rotunda da Boavista, a 800 alunos das escolas do 2º e 3º ciclos e secundário do Porto. 

 
“O objetivo é fazer com que os alunos percebam que é possível alguns conteúdos escolares serem dados fora dos limites das salas de aula e, acima de tudo, perceberem que a matemática tem uma aplicação no dia-a-dia”, afirma em comunicado a vice-presidente da autarquia, Guilhermina Rego.
 
A iniciativa anterior, Matemática Fora de Portas, recebeu o prémio Inovação Pedagógica. Esta distinção aconteceu no âmbito dos “Prémios de Reconhecimento à Educação” que destacam entidades educativas e formativas cuja ação se evidencie ao nível do contributo que prestaram junto e para a comunidade educativa. Trata-se de um prémio atribuído pelo Ensino de Futuro 2013. 

Desde 1852 que o ISEP promove o ensino e investigação em Engenharia e é uma referência na formação de profissionais, destacando-se pela orientação para o mundo real. O instituto tem, atualmente, 6.750 estudantes, nove departamentos, onze licenciaturas, onze mestrados e seis pós-graduações. O ISEP distingue-se pela elevada empregabilidades dos seus diplomados que ronda os 95 por cento.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close