Cultura

Portimão cria Museu Subaquático da Marinha

O afundamento de quatro antigos navios de guerra da Armada Portuguesa vai ser origem ao primeiro museu subaquático do país, ao largo da Praia da Rocha, disse o presidente da Câmara, Manuel da Luz. A câmara espera atrair 90 mil turistas por ano com a
Versão para impressão
O afundamento de quatro antigos navios de guerra da Armada Portuguesa vai dar origem ao primeiro museu subaquático do país, ao largo da Praia da Rocha, disse o presidente da Câmara, Manuel da Luz. A câmara espera atrair 90 mil turistas por ano com a nova infraestrutura.

Entre os 12 e os 15 metros de profundidade, os navios – o oceanográfico “Almeida Carvalho”, a Fragata “Hermenegildo Capelo”, a Corveta “Oliveira do Carmo” e o navio-patrulha “Zambeze” – vão constituir “roteiros subaquáticos acessíveis a qualquer mergulhador”, explicou à Lusa o autarca.

A Câmara de Portimão já recebeu luz verde do Ministério da Defesa para criar o Museu Subaquático, uma infraestrutura que deverá atrair cerca de 90 mil turistas por ano e que será criado ao largo da Praia da Rocha. O projeto deverá dar um retorno de 226 milhões de euros à região algarvia.

Segundo o empresário do mergulho de lazer e um dos parceiros da autarquia no projeto, Luís Sá Couto, é possível captar em dez anos mais de 620 mil visitas de turistas subaquáticos europeus, correspondendo a mais de um milhão de visitas de turistas estrangeiros quando incluídos os acompanhantes, segundo revelou à agência Lusa.

O museu será um primeiro passo no sentido de colocar Portugal no destinos turísticos de mergulho a nível mundial, sendo capaz de “ter um impacto mediático extraordinário para captar a atenção dos mergulhadores internacionais”.

“Não tenho dúvidas de que toda a gente vai querer ver, até porque os navios de guerra têm uma história e chamam muita gente”, realçou.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close