Ambiente

Planta vive há 40 anos numa garrafa sem água nem ar

Um britânico amante de jardinagem decidiu, em 1972, fazer uma experiência: selou um gigantesco garrafão de vidro com uma planta lá dentro. Quarenta anos depois, e apesar de não receber ar nem água, a planta mantém-se viva e viçosa.
Versão para impressão
Um britânico amante de jardinagem decidiu, em 1972, fazer uma experiência: selou um gigantesco garrafão de vidro com uma planta lá dentro. Quarenta anos depois, e apesar de não receber ar nem água, a planta mantém-se viva e viçosa.
 
O britânico David Latimer, atualmente com 80 anos, fez o seu primeiro “aquário de plantas” em 1960 mas só decidiu selar a primeira garrafa anos mais tarde, em 1972. Recentemente, Latimer mostrou a sua incrível planta a um grupo de especialistas em botânica segundo os quais esta planta é um extraordinário exemplo da capacidade de adaptação da flora.
 
Citados pela imprensa britânica, os especialistas explicam que esta planta sobreviveu até hoje porque foi capaz de criar um verdadeiro ecossistema fechado: a água com que foi inicialmente plantada é sistematicamente reciclada e as folhas mortas acabam por ser convertidas em alimento e dióxido de carbono. O único elemento exterior de que a planta necessita para sobreviver é a luz solar, fulcral para a fotossíntese.
 
Em 1960, David Latimer começou a desenvolver a teoria de que as plantas podiam ser autossuficientes num recipiente selado. Para testar a ideia semeou quatro sementes distintas num garrafão de 37 litros com terra.

 

Assim que fechou o recipiente com uma rolha de plástico, três das espécies (uma hera, uma urtiga e uma planta-aranha) morreram mas a quarta planta (a tradescância) continuou a florescer até hoje. A última vez que este David regou a planta foi em 1972, na altura em que selou o garrafão.
 
O britânico, que é um eletricista reformado, mantém a sua planta debaixo de umas escadas no 'hall' da sua casa, para que não apanhe demasiada luz. David espera, um dia, oferecer este original aquário de plantas aos seus netos ou, se os jovens não se mostrarem interessados, pensa oferecê-la à Royal Horticultural Society.
 
Veja, no vídeo acima, como pode fazer o seu próprio “terrário” e clique AQUI para ver as imagens da incrível planta de David no site do Daily Mail.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close