Mundo

Piloto volta à pista para avós se despedirem de neto

É um caso inédito na história da aviação civil. Quando ia a descolar do aeroporto de Manchester, em Inglaterra, o piloto decidiu fazer "marcha atrás" e regressar à pista para que os avós de um menino que estava internado com estado de saúde grave se
Versão para impressão
É um caso inédito na história da aviação civil. Quando ia a descolar do aeroporto de Manchester, em Inglaterra), o piloto decidiu fazer “marcha atrás” e regressar à pista para que os avós de um menino que estava internado com estado de saúde grave se despedissem do neto.
 
Os avós souberam do agravamento do estado de saúde do neto através de um SMS que a família lhes enviou quando já tinham entrado no avião. A criança veio a falecer nessa mesma noite, no final do mês passado.

A notícia é relatada pela BBC que falou com a agente de viagens dos avós. “Trabalho em turismo há 25 anos e nunca ouvi falar de nada do género”, disse Becky Stephenson.

“Fico muito grata pelo facto dos meus clientes terem tido a oportunidade de o ver [ao neto]”, acrescentou.

O voo seguiu o seu destino, depois do casal ter saído do avião, mas a companhia Etihad disse que os avós do menino podem marcar uma nova viagem para outra data, sem pagar novo bilhete.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close