Sociedade

Pela 1ª vez uma mulher vai ser a Procuradora-Geral

Joana Marques Vidal é a nova Procuradora-Geral da República (PGR), anunciou, esta segunda-feira, o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva. Desta forma, a procuradora torna-se na primeira mulher a ocupar este cargo.
Versão para impressão
Joana Marques Vidal é a nova Procuradora-Geral da República (PGR), anunciou, esta segunda-feira, o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva. Desta forma, a procuradora torna-se na primeira mulher a ocupar este cargo.
 
De entre os três nomes sugeridos pelo executivo vigente, Cavaco Silva escolheu a procuradora para substituir o atual procurador-geral, Fernando Pinto Monteiro, como se pode ler na nota publicada no site da Presidência da Republica.
 
“Completando-se amanhã, 9 de Outubro, os seis anos do mandato do atual Procurador-Geral da República, o Governo propôs a nomeação, para o substituir, nos termos do art.º 133, alínea m), da Constituição, da Senhora Procuradora-Geral Adjunta Dra. Joana Marques Vidal.

A tomada de posse da nova Procuradora-Geral da República será nesta sexta-feira, dia 12 de Outubro. 

 
Atualmente, a Joana Marques Vidal, de 56 anos, é procuradora-geral adjunta, sendo a representante do Ministério Público na Secção Regional dos Açores do Tribunal de Contas.

A par destas funções, desde 2010, a procuradora ainda é a presidente da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV).

[Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes] 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close