Mundo

Paquistão: FMI aprova empréstimo de emergência

O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou esta quarta-feira um empréstimo de emergência de 451 milhões de dólares (346 milhões de euros) para o Paquistão, devastado desde julho por grandes inundações.
Versão para impressão
O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou esta quarta-feira um empréstimo de emergência de 451 milhões de dólares (346 milhões de euros) para o Paquistão, devastado desde julho por grandes inundações.

O apoio, aprovado em conselho de administração, será imediato e visa financiar despesas suplementares e necessidades imediatas de divisas.

O subdiretor executivo do FMI, Naoyuki Shinohara, explicou que “a assistência do Fundo ao Paquistão ajudará a financiar as importações necessárias, esperando-se que catalise mais apoio exterior”.

Em comunicado, o FMI assinala que as perspetivas económicas paquistanesas “deterioraram-se drasticamente em resultado das inundações”.O setor agrícola, que representa 21 por cento do Produto Interno Bruto (riqueza interna de um país) e 45 por cento do emprego, foi um dos mais prejudicados.

As piores cheias da história do Paquistão mataram quase duas mil pessoas e alagaram uma quinta parte do seu território.

Segundo as estimativas das Nações Unidas, 10 milhões de pessoas ficaram sem casa no território devastado configurando-se como “uma das piores crises humanitárias” no que diz respeito ao número de pessoas que precisam de apoio.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close