Cultura

“Os Dias da Febre”

O escritor e historiador João Pedro Marques publica o seu primeiro romance "Os Dias da Febre", uma história que leva o leitor numa viagem até à Lisboa do século XIX.
Versão para impressão
O escritor e historiador João Pedro Marques publica o seu primeiro romance “Os Dias da Febre”, uma história que leva o leitor numa viagem até à Lisboa do século XIX.

O livro chega na próxima semana às livrarias e vive dos sons, cores, gentes e costumes da cidade alfacinha, através de uma narrativa apoiada no rigor dos factos e na subtileza com que transporta o leitor para o quotidiano burguês do século XIX.

A ação situa-se em 1857, quando Lisboa era atingida por uma epidemia de febre amarela que mataria quase 5 mil pessoas. É nesse contexto que a intriga se desenvolve, traduzindo-se num convite a conviver com as figuras da época e a percorrer a cidade em toda a sua diversidade, dos camarotes do S. Carlos às ruas apertadas de Alfama e dos salões das damas da alta sociedade ao bulício do café Nicola.

“Os Dias da Febre” é apresentado por Francisco José Viegas na Sociedade de Geografia de Lisboa, no dia 24 de março, pelas 18h30.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close