Fitness & Bem-estar

Oficina da Psicologia: Três dicas para não procrastinar

É daquelas pessoas que adia tudo para a última hora e só termina uma tarefa (se terminar) a pressa mesmo em cima do prazo? Então é uma vítima da procrastinação, um comportamento que pode, muitas vezes, ter consequências graves a nível profissional e
Versão para impressão
É daquelas pessoas que adia tudo para a última hora e só termina uma tarefa (isto se terminar) à pressa mesmo em cima do prazo? Então é uma vítima da procrastinação, um comportamento que pode, muitas vezes, ter consequências graves a nível profissional e até mesmo social.

Stress e ansiedade e incumprimento de tarefas ou tarefas mal concretizadas são os principais resultados da procrastinação. Quanto às causas, serão várias, desde insegurança, falta de motivação ou incapacidade para gerir o tempo.

Este mês, a Oficina da Psicologia partilha dois vídeo com regras simples para evitar este comportamento prejudicial, sendo que o primeiro passo para combater a procrastinação é ter consciência da mesma.

Três regras de ouro para fazer em vez de adiar:

– Ter consciência e prestar atenção as ações que são adiadas
– Dividir as tarefas em pequenos passos e estabelecer prazos
– Intercale tarefas difíceis com momentos de recompensa

 
  ________________________________
 
Para saber mais sobre a Oficina da Psicologia visite www.oficinadepsicologia.com ou http://www.facebook.com/oficinadepsicologia

Image and video hosting by TinyPic

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close