i9magazine

O que saber para investir e ser bem sucedido

Versão para impressão


No âmbito da primeira edição da Business Angel Summit, os melhores business angels e venture capitalists do país e da Europa reuniram-se para transmitir a investidores ferramentas que lhes permitam ser bem sucedidos nos seus investimentos. O primeiro dia do evento foi dedicado à Investors Academy, um programa imersivo criado pela Beta-i, sobre investimento estruturado em start-ups, em que os presentes tiveram oportunidade de aprender as melhores estratégias com especialistas, nacionais e internacionais. Estes foram os principais cinco conselhos partilhados:

1. É importante começar pequeno

Marta Palmeiro, da Pier Partner, referiu que no início, quando existe dinheiro, tudo parece melhor e mais fácil. Numa fase mais tardia percebe-se, porém, qual a verdadeira realidade. Para minorar perdas, os investidores aconselham a balizar expectativas e investir de forma mais ponderada, especialmente quando se acaba de entrar no mundo do investimento.

2.  Foco num setor de mercado específico

Apesar de pequeno, o mercado do investimento permite especialização. Quando se está a construir portfólio é importante pensar qual o tipo de negócio que faz sentido. Para aumentar a possibilidade de sucesso Jacqueline Holmes, da Midori Management, sugere explorar negócios de áreas de interesse pessoal e onde se tem alguma experiência profissional prévia. Ter conhecimento sobre a área de atuação é um fator a considerar.

3. Não investir sozinho

Este foi outro dos pontos focados ao longo de toda a Investors Academy. Marta Palmeiro destacou que, apesar de recente, visto ter apenas cerca de 10 anos, a comunidade de investidores portuguesa está a desenvolver-se rapidamente e encontra-se aberta a cooperação e diálogo. Quando se investe é pertinente encontrar pessoas mais experientes e com mais capital.

4. Comunicar

Comunicar, tanto com a comunidade de investidores, como com o próprio fundador da empresa em que se pretende investir é uma forma de alinhar a estratégia a longo prazo. Quando se procede a um investimento, os objetivos e projeções de crescimento devem ser comuns a todos os envolvidos.

5. Aprender com cada investimento

Aprender a investir é algo gradual. Para além de pensar no retorno monetário de cada investimento, o investidor deve considerar o conhecimento que retira de cada euro investido, mencionou Orson Stadler, da Mustard Seed Impact. Para permitir uma constante evolução, é necessário que o investidor se coloque numa posição de aprendizagem e não assuma que já possui todos os conhecimentos necessários.

Para além de Marta Palmeiro, Jacqueline Holmes e Orson Stadler, também investidores experientes como Jessica Stacey (Bethnal Green Ventures), Luís Roquette Geraldes (Morais Leitão, Galvão), Andy Areitio (The Venture City) e Urmas Peiker (Funderbeam) partilharam a sua visão na Investors Academy.

Mais sobre a Business Angel Summit em: http://businessangelsummit.beta-i.pt/

O conteúdo O que saber para investir e ser bem sucedido aparece primeiro em i9 magazine.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close