Em Destaque Saúde

Novo teste sanguíneo diagnostica a tuberculose

A doença matou mil milhões de pessoas só nos últimos 200 anos
Versão para impressão
por redação

O diagnóstico da tuberculose poderá ser mais rápido e fiável com um novo teste sanguíneo. Os académicos do Texas, Arizona e Washington usaram a nano medicina na sua investigação que pretendia evitar diagnósticos errados e baseados nos métodos atuais, assentes na análise da expetoração, biópsias invasivas aos pulmões, culturas sanguíneas e ao sistema linfático.

Este método permite medir a gravidade das infeções, descobrindo a presença no sangue de quantidades ínfimas de duas proteínas, que as bactérias da tuberculose produzem durante infeções ativas.

A tuberculose continua a ser um dos maiores riscos de saúde mundial, apesar de se gastarem milhares de milhões de euros para cuidar de doentes e evitar infeções.

Segundo a Organização Mundial de Saúde todos os anos, dez milhões de pessoas têm a doença e quase dois milhões morrem. Vai ser testado o método, pelos responsáveis da investigação, para ver se este se adapta a outras doenças e propor-se a testes clínicos na luta contra a tuberculose.

 

notícia sugerida por Elsa Martins

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close