Ambiente

Novo projeto vai deixar cidade de Lisboa mais florida

Lisboa vai ser a primeira cidade a aderir ao projeto português "Eva Dream", iniciativa que quer desafiar a população a espalhar flores pelas janelas, pelas varandas e pelas praças de todo o país para o tornar mais colorido - e florido.
Versão para impressão
Lisboa vai ser a primeira cidade a aderir ao projeto português “Eva Dream”, iniciativa que quer desafiar a população a espalhar flores pelas janelas, pelas varandas e pelas praças de todo o país para o tornar mais colorido e florido.
 
Impulsionado por Tó Romano, da Central Models, e Frederico Vital, da Associação Terra dos Sonhos, o projeto pretende “criar uma onda de afetos”, “estimular a união e a autoestima coletiva”, “potenciar a criação de uma economia positiva”, “aumentar as receitas provenientes do turismo” e difundir “o sonho”. 
 
O sonho vai começar na capital portuguesa, com o arranque da iniciativa “Bairros Floridos de Lisboa”, que visa criar uma imagem icónica para a capital e potenciar a atração turística numa altura em que toda a cidade estará em festa com os Santos Populares, explica a autarquia em comunicado.
 
O projeto, que conta com a participação das juntas de freguesia lisboetas e da EGEAC, foi apresentado esta semana, quando se celebrou, também, a assinatura do protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal de Lisboa (CML) e os promotores do “Eva Dream”, o Instituto Superior de Agronomia e a Associação Portuguesa de Produtores de Plantas e Flores Naturais.
 
“Se entendermos o ato de plantarmos flores como estando a redigir um poema de amor, então estaremos a dar os primeiros passos para afeiçoarmos a imagem do nosso país”, afirmou Tó Romano, um dos promotores da iniciativa, durante a apresentação.

De acordo com o responsável, o projeto vai apontar “para a propagação de emoções, de uma onda que poderá sublimar e alavancar, em simultâneo, a bondade, a generosidade e tolerância que caraterizam os portugueses e a beleza, que poderá vir a marcar a imagem de Portugal”.
 

A iniciativa, que deverá chegar a todo o país, “florindo Portugal”, arranca já no mês de Maio na capital portuguesa. “Somos o primeiro município a aderir a este projeto que em Maio florirá os bairros, as praças, as varandas, as esplanadas”, congratulou-se o vice-presidente da CML, Duarte Cordeiro.
 
O governante, que defende que seria “impensável” a autarquia e as juntas de freguesia não aderirem “ao sonho de trazer mais alegria para Lisboa”, espera agora que este sonho “contagie todas as outras cidades” portuguesas.

Clique AQUI para saber mais sobre este projeto no seu site oficial.
 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close