Mundo

Modelo “gorda demais” vence processo contra agência

Ananda Marchildon, uma modelo holandesa de 25 anos, venceu um processo judicial contra a agência Elite depois de ter sido despedida por ter as ancas "gordas demais".
Versão para impressão

Ananda Marchildon, uma modelo holandesa de 25 anos, venceu um processo judicial contra a agência Elite depois de ter sido despedida por ter as ancas “gordas demais”.

A modelo (na foto durante uma campanha para a Sloggi) foi a vencedora, em 2008, do concurso “Holland's next Top Model” tendo, em seguida, assinado um contrato com a agência Elite por um valor superior a 74 mil euros.

No entanto, quando ia realizar uma campanha de lingerie, a agência despediu a modelo sem pagar a totalidade do contrato, alegando que Ananda tinha engordado. A modelo mede 94 centímetros de anca e a agência exigia que reduzisse para 90 centímetros.

No entanto, esta quarta-feira, o tribunal deliberou que Marchildon já tinha 92 centímetros de anca quando assinou o contrato e que a Elite não poderia exigir que ela reduzisse a medida para 90 centímetros. O tribunal ordenou que a quantia em falta fosse paga à modelo.

O caso de Ananda Marchildon – que apesar de viver na Holanda desde os 10 anos nasceu no Canadá – está a ser amplamente divulgado na imprensa. No seu Facebook, Ananda também divulgou a sua vitória, recebendo mensagens de apoio de quem faz parte da sua rede.

[Notícia sugerida por Patrícia Guedes]

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close