Mundo

México: Cão toma conta de rapaz perdido na floresta

Juan Leal, um rapaz de 14 anos, esteve durante quase dois dias perdido numa serra mexicana. Quando foi encontrado, o jovem relatou que durante todo esse tempo teve a companhia de Max, um cão vadio que o aquecia durante a noite, relata o jornal Mileni
Versão para impressão
Juan Leal, um rapaz de 14 anos, esteve durante quase dois dias perdido numa serra mexicana. Quando foi encontrado, o jovem relatou que durante todo esse tempo teve a companhia de Max, um cão vadio que o aquecia durante a noite, relata o jornal Milenio
 
Depois de 40 horas de buscas, o adolescente foi encontrado com vida a cerca de cinco horas de caminho do local onde estava a acampar com um grupo da sua paróquia. 
 
Quando regressou a casa, Juan relatou que durante todas as horas em que esteve perdido o cão Max esteve sempre consigo, sendo fundamental durante as noites frias em que o jovem dormiu coberto de folhas e abraçado ao cão para não enregelar. 
 
Juan explicou que se perdeu durante uma caminhada em que se afastou um pouco do grupo e resvalou para uma ribanceira caindo, ferido, junto ao rio. 
 
O adolescente conta que o cão apareceu assim que Juan caiu na ribanceira e ficou com ele até ser encontrado e resgatado. 
 

O jovem manifestou a intenção de ficar com o animal mas o dono de um rancho local surgiu, entretanto, a reivindicar que o cão era seu e estaria perdido.

Notícia sugerida por António Resende

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close