Mundo

Menino de 8 anos angaria milhares de euros para o Nepal

Chocado com a violência dos sismos que, recentemente, abalaram o Nepal, país de origem dos seus pais, o pequeno Neev Saraf decidiu angariar dinheiro para apoiar as vítimas da tragédia. Até ao momento, já conseguiu quase 30.000 euros.
Versão para impressão
Apesar de ter apenas oito anos, o pequeno Neev Saraf está a dar ao mundo um verdadeiro exemplo de solidariedade. Chocado com a violência dos sismos que, recentemente, abalaram o Nepal, país de origem dos seus pais, o menino decidiu angariar dinheiro para apoiar as vítimas da tragédia, que causou milhares de mortos.
 
Neev, que vive com a família nos EUA, virou-se, inicialmente, para o seu mealheiro, considerando destinar para essa causa o total das suas poupanças: 383 dólares (cerca de 345 euros). Porém, achou que tão pouco dinheiro seria insuficiente e começou a pedir ajuda a parentes e amigos. 
 
Em sequência do pedido, os pais de Neev deram a conhecer as intenções do filho aos seus contactos através do Facebook e criaram uma página de financiamento coletivo na plataforma 'Crowdrise', recebendo uma resposta impressionante: em menos de 10 dias, a causa do jovem ultrapassou a meta estipulada: 25.000 dólares (aproximadamente 22.500 euros).
 
Até ao momento, o menino já angariou de 33.000 dólares – quase 30.000 euros – e as doações continuam a chegar. “Pessoas que não conhecíamos, pessoas com quem nos cruzámos apenas uma ou duas vezes na vida, fizeram questão de doar 500 ou até 1.000 dólares”, revela, em entrevista à NBC Washington, Prakash Saraf, pai de Neev.
 
A onda de solidariedade estendeu-se, também, à escola do menino: os colegas contribuíram, igualmente, com as suas próprias poupanças, inspirados pelo espírito de generosidade que corre na família Saraf.
 
“Quando viemos para os EUA, viemos sem nada. Esta sociedade deu-nos muito. Tento ensinar o meu filho – e toda a gente – que nem tudo se resume a receber. Também é preciso dar”, frisa Prakash Saraf. 
 
A mensagem parece ter sido bem assimilada por Neev e a prova disso é que a vontade do menino em ajudar não é inédita: todos os anos, no seu aniversário, doa o dinheiro que consegue juntar no mealheiro a instituições de solidariedade locais e confessa que nunca se sente tentado a gastar as suas poupanças num brinquedo ou, quem sabe, num vídeojogo.
 
“Já tenho o suficiente. Não preciso de mais. Agora preciso de ajudar o Nepal”, afirma o jovem, citado pela NBC Washington. 

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close