Saúde

Medula: Portugal é um dos países com mais dadores

Nos últimos 10 anos, Portugal deu um salto do último lugar nos rankings mundial e europeu sendo o 3º país da Europa e o 5º país do mundo com maior número de dadores.
Versão para impressão
Nos últimos 10 anos, Portugal deu um salto do último lugar nos rankings mundial e europeu em termos de número de dadores de medula óssea, transformando-se no 3º país da Europa e no 5º país do mundo com maior registo de dádivas. Em 2002 havia apenas 1.625 dadores inscritos no Registo Nacional de Dadores de Medula Óssea (CEDACE), mas em 2011 a cifra disparou para 277.938.
 
Os números foram anunciados esta quinta-feira pela APCL – Associação Portuguesa Contra a Leucemia, a propósito da celebração dos seus dez anos. A associação aproveitou a ocasião para recordar que, anualmente, surgem mil novos casos desta doença em Portugal e congratulou-se com a saída de células de muitos dadores nacionais do Registo Português, que têm ajudado a “salvar centenas de vidas de doentes com leucemia” não só no nosso país como noutras 20 nações espalhadas por todo o mundo.
 
Estes factos têm sido possíveis, defende a APCL, “graças à sensibilização da população portuguesa e aos recursos, forte empenho e dedicação” da associação “a esta nobre causa”. 
 
Um novo exemplo de empenho vai ter lugar no próximo dia 19 de Abril, com a realização do 5º Concerto de Solidariedade Contra a Leucemia no Pavilhão Atlântico, em Lisboa. O evento vai contar com nomes destacados da música, nomeadamente Rui Veloso, Carminho, Luís Represas, João Gil, Boss AC, Paulo Flores, Camané e Nancy Vieira, acompanhados pela Orquestra das Beiras. 
 
Segundo a APCL, as “receitas reverterão inteiramente a favor das atividades desta entidade, entre as quais o apoio ao CEDACE, apoio social, bolsas de investigação e formação avançada”, pretendendo-se ainda, caso seja possível, “reforçar o nível de apoios concedidos aos três centros de Histocompatibilidade – CH Sul, CH Centro e CH Norte nacionais, que atualmente integram o Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST)”. 

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close