Sociedade

Mais de 56 mil pessoas pedem fim de desperdício

A Petição pública contra o desperdício alimentar já conta até agora com 56.500 assinaturas de pessoas que querem ver milhares de refeições que todos os dias sobram em restaurantes, cantinas e refeitórios  a serem aproveitadas e distribuídas por
Versão para impressão
A Petição pública contra o desperdício alimentar já conta até agora com 56.500 assinaturas de pessoas que querem ver milhares de refeições que todos os dias sobram em restaurantes, cantinas e refeitórios  a serem aproveitadas e distribuídas por quem precisa.

Entretanto a ASAE (Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica) e a AHRESP (associação que representa a hotelaria e os restaurantes) já se manifestaram sobre este problema e mostraram-se disponíveis para criarem uma rede de recolha.

A ASAE, de acordo com a  Rádio Renascença, impõe apenas por lei que a comida seja transportada em viaturas com refrigeração. Algumas autarquias já apoiam esta prática em parceria com instituições locais.

A petição “Desperdício Alimentar” foi lançada pelo cidadão António Costa Pereira em julho. Há cerca de três anos quando estava a ajudar uma instituição lembrou-se de ir buscar as refeições que sobravam no refeitório de uma empresa. Contudo, não era possível porque a lei não permitia que transportasse as cerca de 100 refeições que sobravam diariamente por não ter as condições necessárias.

[Notícia sugerida pelo utilizador Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close